Você sabe por que o cabelo loiro fica verde na piscina?

Não é o cloro, não! Aprenda a evitar e a resolver o problema

Diane Neubüser

Quem tem fios loiros claros corre o risco de sair da piscina com o cabelo verde | <i>Crédito: Reprodução
Quem tem fios loiros claros corre o risco de sair da piscina com o cabelo verde | Crédito: Reprodução

Popularmente é comum atribuir ao cloro a mudança de cor indesejada nos cabelos loiros. Basta um mergulho na piscina (principalmente as de uso público, como de condomínios ou clubes), para os fios ficarem esverdeados. Mas, na verdade, o culpado pelo efeito é outro componente: o cobre. 

O especialista em piscinas da hth, Fábio Forlenza, conta que esse ingrediente está presente na maioria dos algicidas, ou seja, produtos que controlam o surgimento de algas.

Dicas para evitar que o cabelo fique verde na piscina

Já que não é possível evitar o uso dos algicidas, siga esses dois passos para preservar os fios do efeito do cobre:

* Antes do mergulho, enxarque os fios com água da ducha. Com o interior preenchido por água limpa, os fios absorvem menos a água na piscina;

* Com os fios ainda úmidos, aplique uma camada generosa de qualquer leave-in ou creme para pentear. Eles criam uma cobertura fina que envolve o fio e fecha as cutículas, evitando o contato direto com o cloro.

Meu cabelo já está verde, e agora?

Para o caso de quem já tingiu os fios, só mesmo o salão de beleza para resolver 100%. Os profissionais coloristas conseguem neutralizar o verde com uma mistura de xampú com tintura vermelha para o loiro voltar ao tom original.

30/01/2018 - 15:00

Conecte-se

Revista Máxima