Misturar álcool com energético aumenta risco de problema no coração

Veja como aproveitar o Carnaval numa boa, sem colocar a saúde em risco

Máxima Digital

Veja abaixo dicas para evitar o estrago | <i>Crédito: iStock
Veja abaixo dicas para evitar o estrago | Crédito: iStock

Aqui vai uma recomendação para os carnavalescos de plantão: este ano nada de misturar álcool com energético! Estudos indicam que a combinação pode aumentar o risco de arritmias e outros problemas cardíacos, independentemente de histórico familiar de doenças cardíacas ou outros fatores de risco conhecidos (obesidade, diabetes, sedentarismo, hipertensão, estresse, tabagismo, má alimentação, depressão e ansiedade). 

Segundo Regina Helena Pereira, diretora do departamento de nutrição da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (Socesp), o objetivo do energético é estimular o sistema nervoso central, contrapondo o papel do álcool e permitindo que os jovens que consomem essa mistura possam suportar as festas até tarde. “O problema é que a combinação pode causar náuseas e vômitos, tremores, transpiração fria e aumento discreto da frequência cardíaca. Em alguns casos, pode ocorrer agitação, comportamento agressivo, desmaio, aumento importante da frequência cardíaca, alterações de pressão arterial e arritmias”, alerta a especialista. 

O Cisa (Centro de Informação sobre Saúde e Álcool) ainda alerta que cafeína, presente em grandes quantidades nos energéticos, aumenta a euforia e reduz a sensação subjetiva de embriaguez, fazendo a pessoa sentir e pensar que está menos alcoolizada. Ou seja, quando misturamos os dois acabamos bebendo ainda mais. E o álcool em excesso pode levar à desidratação e causar outros problemas, como intoxicação alcoólica, gastrite aguda, vômitos, pancreatite e até levar ao coma alcoólico. Equilíbrio é a palavra-chave nesse Carnaval!

Para evitar o estrago, siga esses passos:

*Faça um lanchinho antes de sair de casa - álcool em barriga vazia é estrago na certa!

*Tome uma colher de azeite de oliva antes de começar a beber - ele diminui o ritmo de absorção do álcool.

*Mantenha-se hidratada - experimente intercalar uma dose de álcool com um copo bem cheio de água.

*Não exagere - lembre-se de que Carnaval tem todo ano. Cuide-se para estar saudável para curtir ano que vem também! 

10/02/2018 - 16:02

Conecte-se

Revista Máxima