Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
BBB / BBB22

BBB22: Maíra Cardi entra em live de Leo Picon e aponta crime cometido pela equipe de Jade

Maíra Cardi apontou um erro grave cometido pela equipe de Jade Picon contra Arthur Aguiar

Máxima Digital Publicado em 09/02/2022, às 10h20

BBB22: Maíra Cardi entra em live de Leo Picon e aponta crime cometido pela equipe de Jade - Instagram
BBB22: Maíra Cardi entra em live de Leo Picon e aponta crime cometido pela equipe de Jade - Instagram

Na madrugada desta quarta-feira, 10, Maíra Cardi entrou em uma live com Leo Picon para apontar um crime cometido pela equipe de Jade Picon contra Arthur Aguiar, que estão confinados no Big Brother Brasil 22

Com o auxílio de uma advogada, a coach de emagrecimento pediu que o time da influenciadora digital deletasse uma publicação feita em seus Stories, plataforma do Instagram, a qual acusava o ator de ser manipulador e de cometer gaslighting, uma espécie de manipulação a qual parte da realidade é distorcida, omitida ou inventada para confundir a vítima.

Maíra disse que esse tipo de acusação é considerado crime e reforçou que tentou entrar em contato com a equipe de Jade, mas não teve uma resposta. 

Leo entrou em contato com o time da irmã e pediu que as publicações fossem deletadas imediatamente. 

Durante a transmissão ao vivo, Maíra disse que estava preocupada com Jade, que não estava ciente dessa situação por estar confinada no programa.

"Você acusar uma pessoa de doença psíquica é crime. No caso dela, ela teria cometido dois, por também ter quebrado o contrato com o Big Brother Brasil", disse. 

Maíra agradeceu todo o suporte dado por Leo na situação, que fez com que as postagens fossem apagadas imediatamente. 

Após a transmissão ao vivo, a esposa de Arthur disse que desistiu de processar a equipe da influenciadora digital após o apoio de Leo. 

Maíra também comentou: "Jade, que está lá dentro, não tem culpa e nem conhecimento, ela não sabe. Mas quando ela estivesse aqui fora, ela teria cometido um crime. Uma coisa é o jogo, outra coisa é aqui fora, e a internet não é terra sem lei. Isso é muito grave". 

"Existem crimes muito graves que não podem ser cometidos. Além da equipe da Jade ter cometido um crime muito grave, ela ainda invocou mulheres, chamando as feministas à favor dela, como se essa doença inventada fosse real. Não vou nem dizer que isso foi jogo baixo, foi crime. Isso não se faz, tenho certeza que a Jade não concordaria com isso, e eu fiquei preocupada com ela, de verdade", disse. 

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI