Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima

Acerte na ampola de reconstrução

Com ativos superconcentrados, as ampolas são a pedida para quem está com uma emergência capilar

Máxima Digital / Foto: Shutterstock Publicado em 21/01/2016, às 10h00 - Atualizado em 22/08/2019, às 01h40

Ampola de reconstrução
Ampola de reconstrução - Divulgação
Elas dão resultado logo após a primeira aplicação e levam, em média, até três minutos para agir. Use-as no cabelo úmido, entre o xampu e o condicionador. Mas, antes, é preciso identificar a melhor opção para tratar o problema do seu cabelo:

Quebradiço
A principal causa é a perda de proteínas durante processos químicos. Portanto, vale investir nas ampolas reconstrutoras à base de queratina — uma aplicação a cada 15 dias. “Em excesso, ela provoca efeito rebote: o fio fica muito duro e acaba se partindo”, explica Gabriel. 

Ressecado
O problema aparece quando a cutícula, que reveste o fi o, não é capaz de reter moléculas de água na estrutura interna do cabelo. Trate com ampolas de hidratação, condicionantes e de efeito selante uma vez por semana. 

Opaco
A falta de viço é sinal de carência de vitaminas e outros nutrientes. Essa perda é natural, já que o nosso cabelo está sob constante agressão dos raios UV, do calor, da poluição e da ação do envelhecimento. Repare os danos usando semanalmente ampolas de nutrição. “Elas são ricas em lipídeos e proporcionam brilho em todos os tipos de cabelo”, diz Gabriel.
ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI