Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima

Mãos de fada: cuidado na hora de tirar a cutícula

Apesar de ser uma prática comum, remover as cutículas não é recomendado. Saiba como driblar essa mania e conquiste mãos bonitas e saudáveis

Texto: Greyce Alvarenga Publicado em 22/12/2015, às 12h30 - Atualizado em 22/08/2019, às 01h40

unhas
unhas - shutterstock
Que atire a primeira pedra quem nunca exagerou na hora de tirar a cutícula. A prática é comum e preferência entre as brasileiras, mas não é recomendada pelos profissionais. Ao retirar por completo essa camada de pele, você acaba retirando uma proteção natural e ficando muito mais exposta a doenças, sem contar na possibilidade de ferimentos e infecções que podem acontecer no próprio momento de beleza. 

Um dos passos para quem quer parar de tirar a cutícula mas não sabe como conquistar mãos bonitas sem essa etapa, é fazer um detox básico: deixe as unhas sem esmalte por cerca de três dias, em seguida faça uma esfoliação leve - e capriche na região das cutículas! - e hidrate bem. 

O uso de óleos, como o de coco ou de argan, também é bem vindo na rotina de beleza: aplique nas unhas e deixe agir por algumas horas. Mantê-las hidratadas é essencial, assim elas não crescem em abundância e, por consequência, não há necessidade de tirá-las com frequência. 
ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI