Casal que compartilha as tarefas domésticas é mais feliz na cama

Veja como praticar a colaboração na sua casa e alavancar o relacionamento!

terça 21 junho, 2016
Casal que compartilha as tarefas domésticas é mais feliz na cama
Casal que compartilha as tarefas domésticas é mais feliz na cama Foto:Shutterstock
A dinâmica dos casais vem se transformando. “Hoje, já não existem mais papéis predefinidos. Assim como as mulheres, no geral, auxiliam na parte financeira, é desejado que os homens atuem como parceiros na criação dos filhos e nas atividades domésticas”, observa a psicóloga Tatiana Leite (SP), especialista em terapia de casais. Quem ainda não se convenceu da importância dessa divisão de obrigações tem, agora, um empurrãozinho da ciência. Uma pesquisa da Universidade de Alberta, no Canadá, mostrou que casais que dividem os afazeres de forma equilibrada são mais felizes na cama. Os experts concluíram que nas casas em que os maridos consideravam que a divisão dessas tarefas era justa, eles e as suas esposas estavam mais satisfeitos com a quantidade e a qualidade do sexo. O professor Matt Johnson, que orientou o estudo, afirmou que mais do que o montante específico de atividades realizadas por cada um, o que mais influencia para a sensação de harmonia é a percepção de que ninguém saiu prejudicado no acordo. “A mulher também trabalha fora e chega, em alguns casos, a permanecer mais horas na empresa do que o homem. Voltar para casa e perceber que ainda precisa cuidar de tudo sozinha a faz se sentir sobrecarregada e irritada”, diz Marina Vasconcellos (SP), psicóloga e terapeuta de casais e famílias. O ideal é prevalecer a ideia de que existe parceria e cooperação no relacionamento.

Processo em evolução

Apesar de o assunto estar mais em evidência atualmente e da aparente conscientização por parte da ala masculina, o cenário apresenta disparidade. Segundo dados do Pnad (Pesquisa Nacional por Amostras de Domicílio) de 2013, ainda é das brasileiras a responsabilidade maior no trato da casa. Elas se ocupam por mais de 27 horas semanais com essas tarefas. Os homens ficam com 11 horas por semana — nem a metade! “Eles estão apegados aos valores tradicionais, enquanto elas parecem ter absorvido mais as ideias de igualdade de gênero e expressam a expectativa na divisão das tarefas”, pontua Tatiana.

MÃOS À OBRA!
Para algumas mulheres pode ser fácil conduzir o marido para a divisão de tarefas. Porém, outras encontram resistências culturais e de criação. Listamos algumas dicas para ajudar no processo de envolver o cônjuge nos afazeres. Pronta para começar?

• CONVERSE FRANCAMENTE
Se você está cansada de fazer tudo sem auxílio, a solução passa, em primeira instância, por uma boa conversa. Importante: fale com o parceiro quando estiverem com tempo (e cabeça!) para iniciar e finalizar o papo. “Comece dizendo que se sente extenuada e que está precisando do envolvimento dele”, sugere Marina Vasconcellos. 

• ESCOLHA UMA ABORDAGEM AMIGÁVEL
Evite acusações e xingamentos. Explique o seu ponto de vista com calma, focando nos benefícios que um cotidiano mais equilibrado poderia trazer para a vida a dois, como tempo extra para curtirem juntos. “Não dá para um fazer só aquilo de que gosta enquanto o outro fica sobrecarregado com muitas atividades. Tem que haver colaboração e bom senso”, diz Tatiana. 

• LEVE EM CONTA AS APTIDÕES DELE
O seu marido adora cozinhar e você não se importa de lavar a louça? Bingo! Além disso, vocês devem considerar a carga horária no trabalho. “Nada impede que quem trabalha menos horas se responsabilize por mais atividades na casa”, afirma Marina. Se for necessário, fixe na geladeira uma listinha com os afazeres de cada um. 

• ESTABELEÇA UMA ROTINA
“Com as tarefas definidas, fica mais fácil criar hábitos e incorporá-los. E o bom é que, assim, o casal evita as cobranças e brigas na realização das atividades”, orienta Tatiana. Cada um saberá a parte que lhe cabe no acordo. 

• SEJA FLEXÍVEL
Quem é que, de vez em quando, não tem um dia daqueles — tumultuado, com problemas, nervoso... Nessa situação, limpar a casa é a última coisa que queremos. Ter compreensão do momento mostra sensibilidade e empatia. 

• ABRA-SE PARA MUDANÇAS
Deixe sempre aberto o canal para a realização de acomodações e mudanças que irão surgir a partir das necessidades do casal. E lembre-se que você e ele têm horários e ritmos diferentes. Então é preciso respeitar a forma de funcionar do outro. 

• RECOMPENSE COM CARINHO
Todo mundo gosta de receber elogios — aposte nessa estratégia e não pense duas vezes antes de comentar quando a comida dele ficar uma delícia ou o banheiro superlimpinho e cheiroso após a faxina semanal. Essas gentilezas agem como estímulos e ajudam o trato a vingar.
Texto: Marília Medrado e Patrícia Affonso
Leia Mais:

Recomendadas - Estilo

  1. O cabelo ficou verde? Veja 3 salvações caseiras para resolver seu problema! Entrou na piscina e o cabelo ficou verde? Confira 3 dicas caseiras que irão te salvar!
  2. A influencer Vivi Guedes ousou com uma calça diferentona no look desta sexta-feira De Vivi Guedes, Paolla Oliveira aposta em calça estampada na frente e transparente atrás
  3. No 'RiR', Nicole Bahls e Marcelo Bimbi se jogam em pista de dança e modelo aposta em modelito ousado Nicole Bahls aposta em macacão transparente e repleto de brilho para 'Rock in Rio'
  4. Bruna Marquezine aposta em vestido longo para desfile em Paris Inspire-se: Look perfeito de Bruna Marquezine em Paris rouba a cena na web
  5. Separamos um verdadeiro 'kit de sobrevivência' para você curtir ainda mais os festivais de música 7 itens essenciais para aproveitar melhor os festivais de música

Assine e Ganhe

    Assine CARAS e ganhe um kit Cerveja

FAMOSOS

  1. 1 Com novo hit Wanessa Camargo fala sobre separação dos pais em sua nova música. Confira clipe!
  2. 2 Será? Mileide Mihaile denuncia Wesley Safadão por 'alienação parental'
  3. 3 Tânia Mara nega que tenha dado indiretas para ex-marido Jayme Monjardim
  4. 4 Luan Santana deixa escapar detalhe íntimo e web não perdoa
  5. 5 Irmã de Ellen Rocche abala estruturas ao desfilar com look transparente