Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram Máxima
Comportamento » Xô, loucura

Psicóloga dá dicas de como driblar e não enlouquecer na 'Crise dos 30 anos'

'Crise dos 30 anos'? Entenda porquê as mulheres sofrem mais com a idade

Máxima Digital Publicado em 12/11/2019, às 14h12 - Atualizado às 14h13

Com 29 anos, Emma Watson fala sobre crise dos 30 anos e psicóloga comenta
Com 29 anos, Emma Watson fala sobre crise dos 30 anos e psicóloga comenta - Getty Images

A atriz Emma Watson, de 29 anos, comentou recentemente sobre a ansiedade que sente ao perceber que está perto de fazer 30 anos.

Ela completa 30 primaveras em abril do ano que vem e já está se preparando mentalmente para o novo ciclo.

“Se você não construiu um lar, se não tem um marido, se não tem um filho e está fazendo 30 anos [...], há uma dose incrível de ansiedade”, declarou ela a Vogue. “Eu nunca acreditei nessa coisa de ‘eu sou feliz sozinha’. Eu ficava tipo: ‘Isso é totalmente papo furado’. Levei um bom tempo, mas estou muito feliz [sendo solteira]. Eu chamo isso de ser minha própria parceira”, concluiu.

Para comentar sobre esse assunto, tão temido pelas mulheres, conversamos com a Psicóloga organizacional e clínica, com foco em Terapia Cognitiva Comportamental, e coach, Livia Marques

Confira:

1) O que é a crise dos 30 anos?

É um novo ciclo, de novas perspetivas, de um novo olhar, de um amadurecimento dito diferenciado em que muitas de nós possuímos e de uma nova forma para criar uma outra rota de vida.

2) A atriz Emma Watson, de 29 anos, disse sentir uma ansiedade enorme em estar perto de completar essa idade. Essa sensação é comum? Por quê?

Ela é muito comum, porque com os 30 anos você começa a se questionar sobre alguns pensamentos, sobre alguns pontos e tomadas de decisões e também tem maior atenção no futuro e de pensar em como ele será, por exemplo. Dependendo da sociedade, tem também a cobrança que ela traz. Também traz a questão do amadurecimento do corpo de forma diferenciada ou do amadurecimento psicológico. Por isso tudo, é altamente comum.

3) Porque a mulher é tão cobrada pela sociedade para ser bem-sucedida em todas as áreas até os 30 anos?

Primeiramente, porque a sociedade é machista e cobra apenas das mulheres algumas responsabilidades que, na verdade, nós vamos desenvolvendo ao longo da vida. E espera-se muito da mulher desde sempre. Ela faz 15, então espera-se muito dela. Ela faz 20, espera-se muito dela. Tem o processo em que a menina fica menstruada e aí espera-se dela que ela desenvolva. Então, em todas as fases dessa mulher tem uma expectativa em relação a ela que é muito grande.

4) Quais problemas psicológicos essa mulher que não atingiu essa satisfação até os 30 anos pode ter?

Alta cobrança é muito forte. Autoestima baixa, não apenas estética, mas intelectual e produtiva, também. A gente pode falar de um transtorno de ansiedade, de não estar correspondendo ao que a sociedade espera que ela responda. Ela, às vezes, evita ir a lugares, por exemplo, porque ela não está satisfazendo em algum ponto.

5) Os homens também são cobrados?

Como eu disse anteriormente, os homens deveriam ser cobrados da mesma forma que as mulheres são, ou não. Ou então, a sociedade deveria entender que as pessoas têm níveis de amadurecimento diferentes e que cada um tem a sua responsabilidade.

6) Como essa mulher deve se posicionar e pensar para não se abater se não conquistou todas essas coisas ou algumas delas até os 30 anos?

"É preciso saber que a vida é feita por fases e cada um vai atingir o amadurecimento conforme o passar dos anos. Ninguém está pronto para nada e estamos sempre em constante aprendizado".

7) A atriz Emma Watson comentou também que achava que estar solteira e feliz era papo furado e que prefere usar o termo 'própria parceira' a solteira. A maturidade com a idade a ajudou a pensar assim? As mulheres próximas aos 30 anos e solteiras são mais cobradas?

"Provavelmente, sim. Ela é uma pessoa engajada, que sempre está discutindo essa questão da maturidade, do feminismo, desse amadurecimento e da cobrança que as mulheres possuem. Então, acredito que sim. As mulheres próximas aos 30 anos e solteiras são mais cobradas e recebem sempre várias perguntas: "por que não são casadas?", "Por que não têm família?", "por que não têm filhos?". Às vezes, elas simplesmente não querem e realmente não têm necessidade alguma de atender às expectativas dos outros e, sim, as suas próprias expectativas".

Para concluir, a especialista ainda ressaltou: "Isso é o mais importante. Ela estar feliz com as responsabilidades que são necessárias, mas sem essa pressão e essa cobrança.

--------


Formada no Centro Universitário Celso Lisboa, a profissional Lívia Marques possui experiências nas áreas hospitalar, escolar, organizacional e Clínica.
MBA em Gestão de Pessoas pela Veiga de Almeida.
Mais de 10 anos de experiência na área clínica com atendimentos focados em Terapia Cognitiva Comportamental. Atendimento de crianças, adultos e adolescentes.
Atua como palestrante, consultora e professora em cursos na Empresa Psigente onde é Sócia Diretora.
Professora da Escola de Negócios das Faculdades São José.
É coach formada pela Academia Internacional de Coaching