Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Coronavírus » Coronavírus

As ‘janelas de vinho’ renascentistas da Itália estão voltando durante a pandemia

Itália encontrou uma solução usada contra peste negra para enfrentar o coronavírus

Máxima Digital Publicado em 06/08/2020, às 18h12 - Atualizado às 18h21

As ‘janelas de vinho’ renascentistas da Itália estão voltando durante a pandemia
As ‘janelas de vinho’ renascentistas da Itália estão voltando durante a pandemia - Reprodução/ Instagram

No início do confinamento por causa do aumento do número de casos da COVID-19, a Itália se uniu para combater o vírus e fechou os estabelecimentos para não evitar o contágio. A internet foi invadida por cantores e músicos de ópera encantaram os vizinhos de suas varandas, bandeiras dizendo que ‘tudo ficará bem’ e mensagens em cartazes para prestar apoio aqueles que tiveram perdas pela doença. A comoção foi mundial. 

Só que os italianos resolveram inovar novamente. Em Florença, os proprietários de restaurantes e bares decidiram se inspirar em uma peculiaridade arquitetônica medieval dos próprios estabelecimentos. De acordo com a Wine Window Association de Florença, várias janelas se abriram em toda a cidade - algumas pela primeira vez na memória viva.

Mas, o que são essas janelas? 

As janelas de vinho, ou buchette del vino, no italiano, são pequenos espaços na parede que foram originalmente usadas para vender vinho excedente diretamente para os trabalhadores de Florença.

Só que a história dessas janelinhas tem algo a mais. Elas foram utilizadas na peste bubônica, também conhecida como "peste negra", que varreu a Europa, matando um terço da população do continente na Idade Média.

Assim como na época da Peste Negra, sabemos que uma bebida pode aliviar o stress e alegrar nesses tempos de pandemia do coronavírus. Então, essas janelas esculpidas nas paredes de concreto de vinícolas e lojas urbanas são uma alternativa para aqueles que desejam beber e distância social segura.

"Todo mundo fica confinado em casa por dois meses e, em seguida, o governo permite uma reabertura gradual. Durante esse período, alguns proprietários de vidraçarias florentinas voltaram o tempo e estão usando as janelas para distribuir copos de vinho, xícaras de café, bebidas, sanduíches e sorvetes - todos livres de germes e sem contato!”, disse o site da Wine Window Association

O presidente da Wine Window Association, Matteo Faglia, também comentou sobre o assunto ao site Insider: "As pessoas podem bater nas pequenas persianas de madeira e encher suas garrafas diretamente das famílias Antinori, Frescobaldi e Ricasoli, que ainda hoje produzem alguns dos vinhos mais conhecidos da Itália".

As janelas de vinho são exclusivas da Toscana e Florença, mas muitas vezes elas não são notadas. Afinal, as regiões possuem maravilhosas obras renascentistas.

Elas são ligadas aos antigos palácios e famílias nobres. São mais de 150 janelas de vinho podem ser encontradas apenas nas antigas muralhas da cidade de Florença, e muitas outras na região. Um mapa completo pode ser encontrado no site da Buchette del Vino.

Com a pandemia, elas estão sendo reabertas e utilizadas para servir café, sorvete, drinks e, claro, vinho. Tudo isso cumprindo o distanciamento social. 

O país mediterrâneo foi duramente atingido pelo COVID-19, perdendo mais de 35.000 moradores e mais de 240 mil casos confirmados,  segundo a Organização Mundial da Saúde.

Então, elas possuem um propósito semelhante para impedir a propagação de doenças em Florença. Enquanto a praga italiana varria o país, os historiadores notaram que os vendedores de vinho entendiam a importância do isolamento e usavam as janelas por esse motivo. Em vez de receber o pagamento à mão, os vendedores passavam uma prancheta de metal pela janela e o desinfetavam com vinagre.

Como faz parte do acervo da região Os florentinos são justamente protetores dessas peças únicas da história. A Wine Windows Association está com um projeto para preservá-las. Todas as janelas agora têm um status protegido, mas o vandalismo ainda é um problema.

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI