Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Coronavírus » Luto!

Morre Miss Biá, drag queen pioneira no Brasil, vítima de Coronavírus aos 80 anos

Eduardo Albarella, mais conhecido como Miss Biá faleceu em São Paulo, vítima de Coronavírus

Máxima Digital Publicado em 04/06/2020, às 14h20

Morre Miss Biá, drag queen pioneira no Brasil, vítima de Coronavírus aos 80 anos
Morre Miss Biá, drag queen pioneira no Brasil, vítima de Coronavírus aos 80 anos - Instagram

Eduardo Albarella, mais conhecido como Miss Biá, foi uma das drag queens pioneiras no Brasil e faleceu nesta quarta-feira, 3, vítima do novo Coronavírus aos 80 anos.

Segundo informações do portal G1, sua sobrinha, Adriana do Nascimento, afirmou que Eduardo estava internado há cerca de 10 dias, não resistiu e faleceu no período da manhã. A informação chocou muitos de seus fãs, principalmente artistas LGBT+, que lamentaram a notícia.

"Temos um ditado entre nós de que 'quando uma de nós morre, nós morremos um pouco'. Com a perda da Miss Biá ouso dizer que só hoje perdemos muito!". disse a drag queen Ikaro Kadoshi em entrevista.

"Ela era o símbolo da luta, resistência e amor pela arte do transformismo/drag queen. Venceu inúmeras barreiras. Desafiou a ditadura, o tempo, as gerações. Ela era assim, destemida. Uma força da natureza cheia de luz. Um farol em mar revolto. Ficamos, todos nós, sem direção", relatou.

Miss Biá iniciou sua carreira na década de 1960 e era considerada um dos grandes nomes da arte transformista no Brasil entre os seus trabalhos, ficou conhecida como cover da apresentadora Hebe Camargo.

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI