Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Dieta e Saúde » Por que apostar nela?

6 benefícios da castanha-do-pará para a saúde

Lanche queridinho do mundo fit, as vantagens da castanha vão muito além do emagrecimento

Máxima Digital Publicado em 03/03/2019, às 15h26 - Atualizado em 22/08/2019, às 01h40

Castanha do Pará
Castanha do Pará - GETTY IMAGES

1. Antioxidante
 “É a maior fonte de selênio conhecida, o que faz dela um excelente antioxidante!”, explica a nutricionista Jackeline Queiroz. Os antioxidantes são importantes pois ajudam a manter o bom humor e previnem o envelhecimento das células.

2. Para emagrecer
É fonte de gorduras boas, o que aumenta a sensação de saciedade. “Essa gordura reduz o índice glicêmico, o que diminui os picos de insulina no sangue e é ótimo pra reduzir  a gordura corporal”, indica a especialista.

3. Xô doença!
“A alta quantidade de selênio também ajuda na prevenção de doenças cardiovasculares, câncer e é ótimo pra imunidade”, garante Jackeline. A substância também ajuda a retirar as toxinas do fígado.

4. Músculo power
“É um coringa para consumir uma boa quantidade de magnésio!”, comenta a expert. Considerado um tranquilizante natural, o magnésio é responsável pelo relaxamento muscular e estimula a proteção de proteínas.

5. Fonte de vitamina
A castanha-do-pará é rica em vitamina E. “Essa vitamina previne o envelhecimento das células e ajuda na formação de colágeno, garantindo uma pele mais firme”, comenta a profissional.

6. Recomendação
A quantidade ideal são duas castanhas por dia. “Por ser alta a quantidade de selênio, tem que ficar atento pra não exceder o indicado”, alerta a nutricionista. Se você consumir 10 castanhas, por exemplo, sentirá os efeitos do excesso dessa substância! Que pode causar cansaço, dores e fraqueza muscular.

Pasta de castanha fit
Jackeline ensina a fazer uma deliciosa manteiga de castanha! Misture meia xícara de nozes com meia xícara de castanha-do-pará e leve ao forno por 25 minutos, a uma temperatura de 150º - ou até que estejam tostadas, sem deixar queimar. “Leve ao liquidificador e triture tudo, até formar uma pasta. Você pode temperar depois com ervas e um pouco de sal ou com mel!”, indica a nutricionista. Não importa se você prefere a versão salgada ou doce: ambas ficam uma delícia com torradinhas e pode ser usado de lanchinho entre as refeições! Lembre-se de não consumir toda a porção: guarde na geladeira para lanchinhos posteriores.

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI