Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Famosos » Denúncia

Anderson Leonardo, vocalista do Molejo, é acusado de estupro por rapaz de 21 anos

O jovem abriu um boletim de ocorrência contra o cantor narrando todo o suposto episódio de violência sexual

Máxima Digital Publicado em 03/02/2021, às 18h16

Anderson Leonardo, do grupo Molejo, é acusado de estupro por rapaz de 21 anos
Anderson Leonardo, do grupo Molejo, é acusado de estupro por rapaz de 21 anos - Reprodução/ Instagram

Anderson Leonardo, vocalista do grupo Molejo, está sendo acusado de estupro por um rapaz de 21 anos. O jovem compareceu na 33ª Delegacia de Polícia do Rio (Sulacap) e registrou um boletim de ocorrência contra o cantor. As informações são do colunista Alessandro Lobianco, do programa 'A Tarde É Sua', que teve acessos aos documentos.

Alerta gatilho: A partir de agora a matéria tem trechos de relato de estupro.

Segundo publicação do jornalista, o rapaz,  que se chama Maycon Douglas, afirma que foi violentado pelo cantor no dia 11 de dezembro. Em seu depoimento às autoridades, ele diz que Anderson supostamente teria marcado uma reunião para falar sobre trabalho, já que é seu empresário, mas em vez de ir para algum local, o cantor o teria levado para um motel chamado Queen.

Maycon diz que estranhou o local e, ao demonstrar constrangimento, chamou a atenção de Anderson. Ainda de acordo com o rapaz, Anderson, ao perceber o suposto constrangimento, teria dito: “Calma, é uma reunião sigilosa que pode mudar a sua carreira”.

O relato conta detalhes do caso. Ele diz que após ter tirado o seu celular de suas mãos e desligado o aparelho, Anderson o teria jogado na cama e então teria se despido e desferido dois tapas em seu rosto e ficou assustado.

De acordo com ele, o  vocalista do Molejo teria dito: “Não chora seu filha da put*, sua vagabund* piranh*”. Logo em seguida, o cantor teria arrancado as roupas da suposta vítima, que desesperadamente teria dito: “Para que sou virgem”.

O cantor, segundo o boletim, teria respondido: “Put* não é virgem”, e depois insistentemente teria tentado penetrar seu pênis na vítima. O rapaz afirma que tentou afastar Anderson com empurrões e que depois de muito insistir o vocalista “conseguiu o seu designo” e contra sua vontade o penetrou.

No documento,o jovem explica ainda que Anderson não usou camisinha nem lubrificante e que, por encontrar muita dificuldade para penetrá-lo disse: “Por que você que é put*, piranh*, eu não consegui enfiar meu pa* em você”.

Ele continua seu relato informando que logo após terminar seu ato libidinoso, Anderson teria percebido que, de fato, ele era virgem, pois começou a sangrar bastante e desmaiou, sendo acordado em seguida pelo acusado. O rapaz teria escutado de Anderson: “Que merda que eu fiz”. 

De acordo com o colunista, a vítima afirmou ter entregado na delegacia como prova da acusação uma cueca que estava usando e que contém manchas de sangue e esperma deixados por Anderson.

Segundo Maycon, ele não havia dado queixa anteriormente por medo de retaliações por parte de Anderson e, também, por correr risco de não acreditarem em sua história e o chamarem de oportunista.

Procurado pela Máxima, Anderson não respondeu.
 
Maylon se pronunciou nas redes sociais sobre o caso. Visivelmente abatido, ele relatou o que viveu: "Hoje o meu mundo é isso que eu vivo. Sem maquiagem. Eu era tão vaidoso. Vocês, mulheres, o marido de vocês, abusaram de vocês, denunciem. Faça que nem eu fiz. Eu demorei, mas denunciei".
 
ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI