Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Famosos » LUTO

Aos 68 anos, morre Sonia Abreu, a primeira DJ mulher brasileira

Sonia Abreu faleceu na noite desta segunda-feira, 26, aos 68 anos

Máxima Digital Publicado em 27/08/2019, às 09h07 - Atualizado em 28/08/2019, às 22h23

Sonia Abreu
Sonia Abreu - Reprodução/Facebook

Sonia Abreu, a primeira DJ mulher do Brasil, morreu na noite desta segunda-feira, 26, aos 68 anos.

A artista era diagnosticada com esclerose lateral amiotrófica (ELA), doença degenerativa que afeta o sistema nervoso e provoca paralisia motora irreversível. 

Sonia estava internada em um hospital de São Paulo desde a última sexta-feira, 23, e, ontem, ela teve uma fadiga respiratória e faleceu.

A DJ atuava no ramo desde os anos 1960, e, sua última apresentação aconteceu em junho deste ano, na Galeria Olido, no centro de São Paulo.

No mês seguinte, em julho, ela foi homenageada na Coopermusp (Cooperativa de Músicos de São Paulo), no bairro do Capão Redondo.

Em 2017, a profissional teve sua carreira narrada em 'Ondas tropicais - Biografia da primeira DJ do Brasil: Sonia Abreu', escrita com Alexandre de Melo.

O corpo será velado das 8h às 14h desta terça-feira, 27, na Funeral Home, na Rua São Carlos do Pinhal, na Bela Vista, em São Paulo.

 

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI