Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Famosos » LEGADO

Após 3 anos de morte, casa de Domingos Montagner em São Paulo será Centro Cultural

A casa em que Domingos Montagner nasceu, localizada no Tatuapé em São Paulo, será transformada em um centro cultural após 3 anos da morte do ator

Máxima Digital Publicado em 24/09/2019, às 08h14 - Atualizado às 08h21

Domingos Montagner
Domingos Montagner - Reprodução/Instagram

Há cerca de três anos, Domingos Montagner faleceu durante a gravação de uma das novelas do horário nobre da TV Globo, ‘Velho Chico’. 

O ator havia ido explorar o Rio São Francisco ao lado da amiga, Camila Pitanga, e acabou se afogando em uma das áreas de risco do local.

E, de acordo com o jornal 'Extra', para que seu legado tenha continuidade, a casa em que Domingos nasceu, em São Paulo, no bairro do Tatuapé, será transformada em centro cultural.

O espaço receberá o nome do ator e contará com exposições, espetáculos e cursos de circo e teatro para jovens de 14 a 24 anos em situação de vulnerabilidade social.

A ideia do centro partiu da viúva do global, Luciana Lima, sócios do Instituto Dom, e o irmão: 

“Domingos sempre falou com muito carinho do bairro onde nasceu, cresceu e onde se formou professor. Ele se orgulhava de sua origem do Tatuapé. A casa foi doada pelos herdeiros da família Montagner ao Instituto para contribuir com o desenvolvimento de crianças e jovens. Nosso desejo é que se torne um centro para potencializar o convívio entre pessoas de todas as idades”, disse Luciana em um comunicado oficial divulgado pelo jornal.

Ainda não há previsão de data de abertura do espaço.

 

 

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI