Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Famosos » Separação

Após 30 anos, Samuel Rosa anuncia a separação de Skank

O vocalista Samuel Rosa anunciou que o banda Skank irá se separar sem previsão de volta

Máxima Digital Publicado em 03/11/2019, às 09h12 - Atualizado às 09h14

Samuel Rosa
Samuel Rosa - Instagram

Após 30 anos de muito sucesso, a banda Skank irá se separar. Segundo a colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, a decisão foi de Samuel Rosa.

Durante a entrevista, o vocalista afirmou que não sabem quando e nem se voltarão: "É uma parada sem previsão de volta". Como estão há muito tempo com tudo muito bem conquistado, a intenção é que todos sigam seus próprios caminhos para que saiam da zona de conforto.

Antes da separação, Samuel contou que a banda fará uma turnê de despedida em 2020: "Chegou a horo de cada um olhar para si. É hora de experimentarmos, ainda que demos com os burros n'água. Quero me testar fora do Skank, me ver em um círculo de músicos fora do que sempre transitamos. Há muito ainda a descobrir", comentou.

O vocalista chegou até a questionar a situação atual dos artistas em relação à banda: "Mesmo que o Skank tenha tido mudanças dentro de sua estética até agora, certas coisas são impossíveis de mudar quando se trata de uma relação dos mesmos quatro indivíduos. Quem sabe se hoje individualmente não sejamos melhores do que coletivamente?”.

A banda se formou em 1991 em Belo Horizonte, em Minas Gerais e é formada pelo vocalista e guitarrista já citado, Henrique Portugal no teclado, Lelo Zaneti no baixo e o baterista Haroldo Ferretti.

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI