Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Famosos » Polêmica!

Após briga com Painitto, Leo Dias faz revelações sobre a verdadeira história da cantora com o pai: ''Ele não se fazia presente''

O jornalista Leo Dias revelou o que sabe sobre a relação de Anitta e Painitto e abriu o jogo sobre o passado da família

Máxima Digital Publicado em 25/10/2019, às 07h29 - Atualizado às 07h30

Painitto e Leo Dias
Painitto e Leo Dias - Instagram

Leo Dias gera muito polêmica sobre os famosos e todo mundo sabe! Dessa vez não foi nada diferente.

O jornalista compartilhou em seu Instagram oficial na noite desta quinta-feira, 24, um texto revelador sobre a verdadeira história por trás da relação atual de Anitta e seu pai, Mauro Machado, chamado de Painitto.

Ele escreveu um livro sobre a cantora e, para isso, precisou entrevistar a família para obter informações mais íntimas e, a partir de uma briga envolvendo o colunista e o pai da artista, Leo Dias resolveu abrir o jogo: "Hoje muitas fichas caíram na minha cabeça. Não quero mais ser usado nem controlado por ninguém, por isso decidi responder ao Sr Mauro, pai de Anitta. Eu entrevistei a Dona Miriam, mãe da Anitta, por mais de 3 horas para escrever o 'Furacão Anitta'. Ali eu conheci uma mulher batalhadora, que sofreu muito na vida, que foi retirada da casa dos pais com a promessa de viver uma vida dos sonhos", começou ele.

A coisa ficou ainda mais embaixo quando o jornalista revelou o que a família da cantora tinha pedido para não ser revelado: "Vamos aos fatos:
Dona Miriam deu à luz Anitta sem a presença do pai de Anitta na maternidade, ele tinha compromissos mais importantes do que o parto da filha. A presença dele, segundo dona Miriam, em casa era rara, ele estava sempre viajando para São Pedro da Aldeia. Quando Anitta tinha 3 anos o pai abandonou a família. Ele pagava pensão sim, mas não se fazia presente. Algumas vezes, quando ele dizia que ia buscar as crianças no Rio, ele não ia. Quando as crianças ficavam alguns finais de semana em São Pedro da Aldeia, Dona Miriam se preocupava bastante em quem iria cuidar deles. Isso porque o Painitto raramente ficava com eles".

Leo Dias também contou que o pai nunca apoiou a carreira da funkeira: "Quando Anitta teve que decidir entre a Vale do Rio Doce e a música, a mãe falou: 'Estou do seu lado em qualquer escolha'. Painitto bateu o pé de que ela deveria ficar na Vale e desistir da música. Por fim, antes de mandar o livro para gráfica, o Renan, irmão da Anitta, me pediu para “aliviar” um pouco a imagem do pai. Que tudo era verdade, mas que eu poderia omitir alguns fatos. TUDO ISSO Q ESCREVI ESTÁ GRAVADO NO ÁUDIO DA ENTREVISTA DE DONA MIRIAM, que ficou anos sem falar com Mauro" Uau!

O jornalista deixou claro que, na apuração de suas pesquisas, tentou entrevistar o outro lado da história, mas Painitto negou: "Eu tentei diversas vezes ouvir a versão dele e as histórias sobre Anitta para o livro, mas ele nunca aceitou. Queria pedir desculpas a Mirian e ao Renan pela exposição, aos dois, apesar de serem a família de Anitta, nunca tentaram aparecer às custas dela e sempre me trataram muito bem. Não queria chegar a esse ponto. Mas queria salientar também que não fui eu que comecei. PONTO FINAL", terminou.

Toda essa confusão começou quando Mauro Machado descobriu ter outro filho e Leo Dias comentou que seria fruto de uma traição. Após muita reclamação de Painitto, Leo Dias respondeu com um comentário em uma das publicações do pai de Anitta, deixando claro que não estaria julgando, apenas apontando fatos.

Foi a partir dessa discussão, que Leo Dias não deixou barato e revelou tudo o que sabia, já que, segundo ele, seria tudo verdade e teria como provar.

Ver essa foto no Instagram

Hoje muitas fichas caíram na minha cabeça. Não quero mais ser usado nem controlado por ninguém, por isso decidi responder ao Sr Mauro, pai de Anitta. Eu entrevistei a Dona Miriam, mãe da Anitta, por mais de 3 horas para escrever o "Furacão Anitta". Ali eu conheci uma mulher batalhadora, que sofreu muito na vida, que foi retirada da casa dos pais com a promessa de viver uma vida dos sonhos. Vamos aos fatos: Dona Miriam deu à luz Anitta sem a presença do pai de Anitta na maternidade, ele tinha compromissos mais importantes do que o parto da filha. A presença dele, segundo dona Miriam, em casa era rara, ele estava sempre viajando para São Pedro da Aldeia. Quando Anitta tinha 3 anos o pai abandonou a família. Ele pagava pensão sim, mas não se fazia presente. Algumas vezes, quando ele dizia que ia buscar as crianças no Rio, ele não ia. Quando as crianças ficavam alguns finais de semana em São Pedro da Aldeia, Dona Miriam se preocupava bastante em quem iria cuidar deles. Isso porque o Painitto raramente ficava com eles. Quando Anitta teve que decidir entre a Vale do Rio Doce e a música, a mãe falou: 'Estou do seu lado em qualquer escolha'. Painitto bateu o pé de que ela deveria ficar na Vale e desistir da música. Por fim, antes de mandar o livro para gráfica, o Renan, irmão da Anitta, me pediu para “aliviar” um pouco a imagem do pai. Que tudo era verdade, mas que eu poderia omitir alguns fatos. TUDO ISSO Q ESCREVI ESTÁ GRAVADO NO ÁUDIO DA ENTREVISTA DE DONA MIRIAM, que ficou anos sem falar com Mauro Eu tentei diversas vezes ouvir a versão dele e as histórias sobre Anitta para o livro, mas ele nunca aceitou. Queria pedir desculpas a Mirian e ao Renan pela exposição, aos dois, apesar de serem a família de Anitta, nunca tentaram aparecer às custas dela e sempre me trataram muito bem. Não queria chegar a esse ponto. Mas queria salientar também que não fui eu que comecei. PONTO FINAL

Uma publicação compartilhada por Leo Dias (@leodias) em

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI