Famosos Processo

Após ser acusado de plágio, Padre Marcelo Rossi tem livro proibido de circular

A obra Ágape, lançada em 2010, não pode ser vendida a partir desta sexta-feira (12)  

sexta 12 abril, 2019
Padre Marcelo Rossi
Padre Marcelo Rossi Foto:Reprodução/ Instagram

Padre Marcelo Rossi foi notificado pela justiça após acusação de plágio. O livro Ágape, lançado em 2010, está proibido de ser vendido a partir desta sexta-feira (12).

A liminar determina que, desde a data da notificação, para cada exemplar vendido, seja paga uma multa equivalente ao dobro de seu valor.
 
Quem processou a editora Globo Livros foi Izaura Garcia. Ela pediu cerca de R$ 50 milhões de indenização na justiça.
 
Posteriormente, a escritora chegou a fazer um acordo com a editora. E se explicou através de suas redes sociais. 

“Muitas pessoas estão pensando que autorizei e depois descumpri. Não é nada disso. Eu saí pra comprar esse livro e, quando comecei a ler, me deparei com meu texto. Entrei em contato e chegamos a um acordo que, posteriormente, seria corrigido. Infelizmente, não foi isso que aconteceu. Não quebrei o contrato e não estou atrás de mais dinheiro. Apenas estou cobrando aquilo que é meu direito”, relatou a autora.

 

Máxima Digital
Leia Mais:

Receba em Casa

Bate Bola na Cozinha

FAMOSOS

  1. 1 Morre Mc Sapão, autor do hit 'Vou desafiar você'
  2. 2 Tata Fersoza e Michel Teló trocam ovos de Páscoa e fãs se declaram
  3. 3 Após polêmica, conta de Cristiano Araújo é reativada no Instagram
  4. 4 Agatha Moreira e Nathalia Dill esbanjam sensualidade em vídeo
  5. 5 Luan Santana exibe o peitoral e vira piada: "Já pode respirar"