Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Famosos » Polêmica

Eduardo Costa revela que levou prejuízo de quase R$ 5 milhões por declarações sobre Bolsonaro

Eduardo Costa revelou que teve número de shows diminuído drasticamente por conta de posicionamento político

Máxima Digital Publicado em 29/08/2019, às 12h04 - Atualizado às 12h05

Eduardo Costa e Bolsonaro
Eduardo Costa e Bolsonaro - Reprodução/ Instagram

Eduardo Costa soltou o verbo em entrevista que foi ao ar hoje, 29. 

O cantor concedeu entrevista ao colunista Leo Dias em sua mansão, em Belo Horizonte, e deu detalhes sobre o início da carreira e polêmica envolvendo Bolsonaro. 

O sertanejo de 39 anos começou a carreira tocando em barzinhos em Belo Horizonte e contou que até os 25 anos vivia na pobreza.

Eduardo revelou que não se arrepende sobre a posição política que tomou, porém a escolha trouxe perjuízo para a carreira. 

"Foi 100% positivo para mim (declarações sobre Bolsonaro) como pessoa, mas para a minha carreira não, eu perdi muito show. Eu tomei um prejuízo com Bolsonaro de quase R$ 5 milhões, por causa das coisas que eu falei", revelou o famoso.

"Eu fazia 145 a 150 shows por ano, eu fiz 90", completou Eduardo.

Questionado sobre a polêmica com a apresentadora do programa 'Amor e Sexo', Fernanda Lima, o sertanejo não respondeu se está arrependido, mas contou que não concorda com as declarações da global sobre independencia, feminismo e empoderamento.

Ele ainda polemizou ao declarar que se tivesse um filho homossexual, não haveria problema, porém Eduardo não concordaria se este filho levantasse bandeiras de incentivo à homossexualidade. 


ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI