Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Famosos » Polêmica

Música de Naiara Azevedo é repudiada por Conselho de Enfermagem que alega desrespeito a profissionais da área

A canção "Boqueira" de Naiara Azevedo foi duramente criticada pelo Conselho de Enfermagem da Paraíba

Máxima Digital Publicado em 22/10/2019, às 14h10 - Atualizado às 14h12

Naiara Azevedo
Naiara Azevedo - Instagram

A nova canção de Naiara Azevedo com parceria de Gil Mendes não foi bem recebida por enfermeiras.

A música "Boqueira" foi duramente criticada pelo COREN-PB (Conselho Regional da Paraíba) que enviou uma nota de repúdio à cantora na última segunda-feira, 21.

Segundo o órgão, a letra da composição reduz o trabalho de enfermeiras e incentiva o machismo e misoginia. 

Em alguns trechos as sertanejas cantam: "o meu desejo é que ele pegue uma boqueira / e que a rapariga não seja enfermeira". Porém a frase não foi bem vista por profissionais da área. 

Leia a nota de repúdio: "O Conselho Regional de Enfermagem da Paraíba (COREN-PB), manifesta seu profundo repúdio ao conteúdo da música cantada por Gil Mendes e Naiara Azevedo, de nome “Boqueira”, veiculada na internet e nas rádios de todo o Brasil. Eles se utilizaram da palavra enfermeira associando a profissão a uma imagem pejorativa. A letra da música reduz o trabalho realizado pelas profissionais de enfermagem, incitando o preconceito contra as enfermeiras que exercem o papel fundamental do cuidar humano nas instituições de saúde. Não se pode admitir que, sob o manto da liberdade de expressão, as pessoas se utilizem desse tipo de manifestação de pensamento que ofende publicamente uma coletividade de mulheres Enfermeiras, reforçando uma cultura machista e misógina perpetrada no Brasil por muitos anos". 

Veja na íntegra!

 

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI