Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Famosos » SUSSEX ROYAL

Príncipe Harry e Meghan Markle são acusados de usar nome já existente em conta no Instagram

Duque e Duquesa se vincularam a rede e professor diz que era dono do perfil há 3 anos e teve identificação alterada sem autorização

Máxima Digital Publicado em 08/04/2019, às 12h21 - Atualizado em 22/08/2019, às 01h40

Príncipe Harry e Meghan Markle
Príncipe Harry e Meghan Markle - Reprodução/Instagram

Harry e Meghanganharam na última terça-feira, 2, um perfil no Instagram para compartilharem os compromissos sociais da realeza.

"Estamos ansiosos", disse o casal.

Acontece que o nome da contra criada, 'Sussex Royal' já existia. Desenvolvida há 3 anos por Kevin Keiley, um professor de autoescola que mora nos arredores de Sussex, o senhor de 55 anos alegou que o nome de seu perfil foi alterado sem a sua autorização.

Segundo o jornal espanhol '20 minutos', Kevin só percebeu a mudança após seu filho ter visto algo de estranho em sua rede:

"Ele me disse: 'Olha no Instagram', então eu fui ver e percebi que minha conta não era mais 'Sussex Royal', e sim '_Sussex Royal_' com dois underlines", contou o homem.

Kevin disse não tinha muitos seguidores e não fazia uso frequente da conta, mas o fato de alguém da família real ter "roubado" um nome que ele havia escolhido há anos o deixou um tanto quanto irritado.

"Eu não voltei ao Instagram e estou relutante em fazê-lo até falar pessoalmente com eles", disse ele ao jornal, que decidiu boicotar o Instagram e se apegar ao seu perfil no Twitter, que carrega o mesmo nome, e garante que o usará todos os dias para que ele não seja roubado.

O professor mostrou-se chateado por ninguém ter entrado em contato com ele para dar algum tipo de satisfação ou pedir permissão para usar o nome criado pelo mesmo.

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI