Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Famosos » Política

Regina Duarte abre o jogo sobre apoio a Jair Bolsonaro: ''Sou chamada de fascista''

A atriz contou quais motivos a levaram a apoiar o atual presidente

MÁXIMA Digital Publicado em 30/05/2019, às 11h17 - Atualizado em 22/08/2019, às 01h40

Regina Duarte
Regina Duarte - Reprodução/TV Globo

Regina Duarte esteve no programa Conversa com Bial que foi televisionado na madrugada desta quinta, 30, e falou sobre um assunto polêmico!

A atriz apoiu o atual presidente Jair Bolsonaro durante as eleições de 2018 e Pedro Bial perguntou sobre a posição política dela, já que, no passado, participou "de palanque ao lado de Lula", como ela mesma afirmou.

Regina Duarte disse que se identificou com o presidente por causa do pai militar "com valores éticos muito rígidos", a mãe, que era religiosa, doce, feminina ao extremo e, "nem por isso humilhada no seu feminino."

A atriz também citou seu primeiro professor no teatro profissional, Antunes Filho. "Ele era disciplinador", contou. E Walter Avancini, com quem trabalhou na televisão: "Ele acreditava que era um operário, que estava ocupando um lugar nas artes pra lutar por uma sociedade mais justa e melhor."

Ela criticou a polarização da sociedade brasileira. Contou que, hoje em dia, é chamada de fascista.

Foto: Reprodução/TV Globo

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI