Máxima
Busca
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Famosos / Famosos

“Somos sexualmente reprimidos”, afirma Reynaldo Gianecchini

O ator comentou sobre como a sociedade ainda enxerga a homossexualidade como um tabu

Máxima Digital Publicado em 15/09/2023, às 13h10

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
“Somos sexualmente reprimidos”, afirma Reynaldo Gianecchini - Instagram
“Somos sexualmente reprimidos”, afirma Reynaldo Gianecchini - Instagram

Reynaldo Gianecchini comentou sobre como a sociedade brasileira ainda enxerga a homossexualidade como um tabu, em entrevista a Veja, o ator afirmou que o país ainda é reprimido sexualmente.

“A gente é um país ainda muito reprimido, isso é uma das coisas mais terríveis, mais causadoras de problemas. Somos sexualmente reprimidos", iniciou ele.

"Por isso as pessoas querem cuidar da sexualidade alheia, saber se o ator é não sei o quê. Se você está reprimido, julga o outro, porque não quer olhar para sua direção”, completou.

“Ser homem no Brasil desde criança é difícil, porque você geralmente é criado para ser um menino que tem que ser duro, bom no esporte, viril, que não pode chorar”, pontuou.

 “Sempre fui muito sensível, fui criado por mulheres, em uma família de mulheres. Então sempre achei difícil viver nesse mundo masculino”, concluiu.