Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima

Adoção consciente

Só no Brasil existem 30 milhões de cães e gatos abandonados. Saiba o que você precisa levar em consideração para salvar uma dessas vidas e se tornar uma tutora responsável

Diane Neubüser Publicado em 03/02/2016, às 09h00 - Atualizado em 22/08/2019, às 01h40

Adoção consciente
Adoção consciente - Foto: Shutterstock

Muitos dos pets abandonados em território brasileiro são vítimas de maus tratos. São animais que precisam urgentemente de um lar – contanto que sejam acolhidos com consciência para não voltarem para as ruas nunca mais! Por isso a veterinária Paloma Cleante Gonçalves listou uma série de responsabilidades que os futuros tutores terão que assumir. Quem puder tirar de letra todas elas será um excelente candidato para dar abrigo e amor a um novo melhor amigo.

Alimentação

Cães comem em média duas vezes ao dia e gatos comem pequenas porções várias vezes ao dia. Os petiscos devem ser dosados e bem escolhidos para evitar a obesidade. Também é preciso incentivar atividades físicas diariamente. Passeios e brincadeiras evitam que os bichos fiquem sedentários.

Saúde

As visitas ao veterinário se fazem necessárias não apenas para a vacinação, e você precisa estar preparada financeiramente pra isso. Vale à pena cotar planos de saúde para animais.

Castração

Ela não serve só para evitar filhotes. O procedimento também previne tumores e infecções e corrige desvios de comportamento: seu pet ficará menos briguento e com menos necessidade de urinar pela casa para demarcar território.

Saudades e ciúmes

Eles rosnam, choram, fazem arte ou se isolam sempre que se sentem trocados por alguém. Além disso, quando bate a saudade do dono, é comum pararem de comer e perderem o interesse por passeios e brincadeiras. Isso significa que você terá que dividir melhor seu tempo a fim de lhes dar a atenção necessária, e bolar um plano de cuidados para quando for se ausentar por muito tempo.

Higiene

Gatos não precisam de banho, mas cães devem ser lavados semanalmente (no verão) e quinzenalmente (no inverno). Use sempre produtos próprios para pets, que não agridem a pele dos bichos.

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI