Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima

Dilema resolvido: MÁXIMA te ajuda a driblar situações delicadas

Quer sair de uma situação com classe? MÁXIMA te ajuda a tomar a melhor decisão!

Máxima Digital Publicado em 03/07/2015, às 12h45 - Atualizado em 22/08/2019, às 01h40

dilema resolvido
dilema resolvido - Shutterstock
P: Uma amiga do trabalho vai se casar e estou arrecadando dinheiro para comprar o presente. Muitos alegam não ter condições de contribuir. O que faço?
R: Não é falta de cortesia deixar de entrar numa lista de presente para um colega por não poder assumir a despesa extra ou por preferir presentear à parte. Quando não houver unanimidade na participação é mais delicado incluir o nome de todos ou simplesmente colocar “colegas do setor ou do departamento tal”.

P: Quero organizar um jantar para comemorar o meu aniversário. O sistema à americana é melhor?
Qualquer refeição pode ser servida nesse esquema. Mas ele funciona melhor quando há um número grande de convidados — assim, as pessoas ficam mais à vontade para se servir. Atualmente, o serviço é muito adotado para receber amigos em casa. As travessas de comida devem ficar numa bancada, mesa ou aparador e os convidados servem-se diretamente nelas, com ou sem a ajuda de garçons. No canto da superfície acomode os talheres, guardanapos e pratos (empilhados). Arrume a comida nesta
ordem: entrada, prato principal e sobremesa.

P: Vou me casar em três meses.Devido à correria, não terei tempo de entregar todos os convites pessoalmente. Posso enviá-los por e-mail?
R: As boas maneiras dizem que os convites devem ser entregues em mãos, mesmo em tempos de facilidades tecnológicas. Caso os convidados morem longe, o ideal é remeter o convite pelo correio ou contratar uma empresa especializada nesse tipo de serviço.
ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI