Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Na TV » Big Brother Brasil

BBB20: Gizelly faz suposto comentário intolerante sobre comida de Babu e internautas se revoltam

No almoço, sister falou da comida do participante e dividiu a web

Máxima Digital Publicado em 17/02/2020, às 19h22 - Atualizado às 19h28

Gizelly é acusada de racismo após falar de arroz de Babu
Gizelly é acusada de racismo após falar de arroz de Babu - Instagram

O confinamento dentro do Big Brother Brasil vem rendendo uma série de desavenças entre os brothers.

Nos últimos dias, o grupo que está na Xepa vem brigando por questões relacionadas a comida após Lucas Gallina resolver não contribuir com estelecas para compra de mantimentos.

Após, esse episódio o grupo resolveu dividir a quantidade de bolacha que cada um poderia comer e Babu Santana foi contra. O que causou uma briga com Manu Gavassi e Bianca Anchieta.

Na tarde de segunda-feira, 17, os brothers discutiram devido a uma panela de arroz. O desentendimento fez com que Babu preparasse apenas para ele e os meninos (Lucas e Felipe Prior).

Após o episódio, o restante da Xepa resolveu ir almoçar e foi quando Bianca questionou Gizelly se ela comeria o arroz preparado mais cedo. A advogada, que já estava com o prato em suas mãos, respondeu: "Ah meu Deus do céu só se estivesse macumbado aqui".

Marcela fez um som de suspense e todos riram da brincadeira da médica. 

Daniel interveio para dizer que já estavam fazendo outro arroz e seu affair falou: "A gente come o dele e diz que estamos fazendo outro para ele". Gizelly afirmou que estava com fome e iria comer naquele instante. 

Na internet, a declaração da capixaba soou muito mal. Alguns apontaram que a sister realizou intolerância religiosa. "Olha aÍ o racismo que o Babu apontou. A Gizelly pegou o arroz dele e quando a Boca Rosa disse que não acreditava que ela ia comer ela lança 'só se tiver macumbado aqui' e a Marcela faz um 'tantanan'. Os olhares que o Babu falou não eram neurose, a gente reconhece racista de longe. Racismo religioso continua sendo racismo", comentou um internauta.

Outros saíram em defesa da advogada: "Não vi racismo em nada do que elas falaram, esse povo causa demais. Babu está insuportável, credo". 

Não é o primeiro caso de acusação de intolerância religiosa no BBB. Em 2019, o ex-brother, Maicon foi acusado pela situação com o companheiro de confinamento Rodrigo. O caso teve inquérito aberto pela Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi) para apuração.

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI