Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Na TV » Big Brother Brasil

BBB21: Juliette lembra sofrimento de Lucas e aponta hipocrisia de confinados: ''Quem acolheu ele foi a loirinha''

Em conversa com Fiuk e Sarah, a paraibana relembrou como Lucas foi tratado no programa

Máxima Digital Publicado em 24/02/2021, às 15h17

Juliette lembra sofrimento de Lucas e aponta hipocrisia de confinado
Juliette lembra sofrimento de Lucas e aponta hipocrisia de confinado - Reprodução/ Globo

Na noite da última terça-feira, 24, a paraibana Juliette fez um desabafo sobre Lucas Penteado. Em conversa com Fiuk e Sarah, a maquiadora comentou sobre a forma que o ator foi tratado pelos demais confinados e que após a eliminação de Karol Conká, a questão racial ter sido levantada pela sister, seus comportamentos na casa mostraram outra coisa.

"Lucas era um cara extremamente ferido. Aquele menino é a própria ferida em pessoa. Ele sofre preconceito racial, socioeconômico, ele é bissexual, tem estereótipo de 'criminoso', vive em favela, tem uma carga pesadíssima", disse.

"Quando a cicatriz dele falou, que foi quando ele foi recusado por Ker, até quando ele deu um beijo em Gil, quando as vulnerabilidades dele apareceram aqui, as pessoas mais machucadas aqui pum nele", declarou.

"Sabe quem foi que acolheu ele? Foi a loirinha do olho azul que as pessoas querem enquadrar como privilegiada, foi a branquinha que tem cara de dondoca e ninguém sabe o que eu vivi na minha vida. Que ficou até o último momento com ele enquanto ele me ofendia. Ele me gritava - ele não, as dores dele -, pedia pra eu sair de perto. Mas eu sabia que ele, ali, tava machucado. Então a gente tem que respeitar e dar validação. Não querer tá no lugar, mas respeitar as dores do outro. Mas a partir do momento em que a sua dor começa a machucar outra pessoa, ninguém é obrigado a aceitar", finalizou.

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI