Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Na TV » Éramos Seis

Éramos Seis: Após descobrir que foi enganada por rival, Lola se reconcilia com Afonso

Lola descobre a armação da rival e faz as pazes com o amado

Máxima Digital Publicado em 14/02/2020, às 14h00

Éramos Seis: Lola descobre que foi enganada por rival e se reconcilia com Afonso
Éramos Seis: Lola descobre que foi enganada por rival e se reconcilia com Afonso - TV Globo

Em Éramos Seis, a armação de Shirley (Bárbara Reis) contra Lola (Gloria Pires) e Afonso (Cássio Gabus Mendes) vai durar pouco.

Segundo o portal Notícias da TV, a mãe de Inês (Carol Macedo) não vai aceitar perder o ex-marido para Lola e fará uma armadilha. Numa noite em que Afonso chegará bêbado em casa, ela se deitará na cama ao lado dele e dormirá. Na manhã seguinte, Durvalina (Virgínia Rosa) verá a megera sair do quarto do quitandeiro. A fofoca vai correr, e chegar nos ouvidos de  Lola.

Irritada, a mãe de Alfredo (Nicolas Prattes) não vai querer entrar na disputa com Shirley por Afonso e decidirá se afastar do dono do armazém.

Durante a guerra, Afonso e Lola vão se reencontrar em Itapetininga. Ele irá levar mantimentos para as tropas paulistas, e ela estará no interior para visitar sua família e ver Alfredo.

O quitandeiro irá atrás da amada e pedirá para conversar. "Esta guerra mexe com a gente, a que ponto fomos capazes de chegar. Confrontos, estradas bloqueadas... Uma situação limite e tão triste. E eu fiquei pensando no que realmente importa. Não posso deixar pra trás o que realmente importa, preciso ter coragem de perguntar sobre a maneira como ficamos, que deixou um aperto no meu peito", dirá. 

"Nós nos conhecemos há muitos anos. Não quero ter questões mal resolvidas. Se me aflige, sinto-me no dever de falar. Não entendi ainda porque brigamos. Por que nossa história, que estava rumando para um acerto, desandou, virou um erro?", perguntará ele.

Lola, então, contará suas impressões sobre ele e Shirley, e o pai adotivo de Inês ficará irado. 

"Mas ora! Me espanta a senhora acreditar que eu seria capaz de uma coisa dessas. Durvalina viu a Shirley sair do meu quarto, mas viu nós dois juntos? Viu alguma intimidade? Essa história é tão estapafúrdia que me faz acreditar que tudo isso só pode ser uma artimanha da Shirley! Um jogo para afastar a senhora de mim!", falará. 

Afonso afirmará que não transou com ela e não tem outro interesse na vida a não ser Lola. 

"Por que estou aqui, mal dormindo, mal comendo, devastado pela sua distância, dona Lola? Por que estou aqui, batalhando há tanto tempo, depois de todos os revezes? Sou um tonto, um louco, ou o maior mau caráter de todos os tempos? Dona Lola, não há a menor possibilidade de eu e a Shirley voltarmos a ser um casal. O meu coração pertence a outra pessoa", falará ele. 

"O meu coração pertence à senhora. E não há tempo, coisa alguma ou outro alguém que possa fazer mudar isso", concluirá Afonso. 

Emocionados, os dois vão se beijar e retomar o romance.