Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Na TV / Éramos Seis

Éramos Seis: Clotilde e Almeida burlam a lei para se casar

O casal finalmente conseguirá ficar junto

Máxima Digital Publicado em 05/03/2020, às 13h54

Clotilde burla a lei para se casar com Almeida - TV Globo
Clotilde burla a lei para se casar com Almeida - TV Globo

Em Éramos Seis, apesar de já ser desquitado, Almeida (Ricardo Pereira) conseguirá dar a Clotilde a tão sonhada certidão de casamento.

Segundo o portal Notícias da TV, com a ajuda de Felício (Paulo Rocha), os dois vão burlar as leis brasileiras para se casar no Uruguai nas cenas que irão ao ar a partir da próxima quinta-feira, 12, no remake de Angela Chaves.

A personagem de Simone Spoladore causará um escândalo ao enfrentar os olhares de reprovação da vizinhança para se unir ao vendedor de tecidos. Uma senhora que mora nas proximidades, inclusive, vai humilhar os filhos do primeiro casamento do funcionário de Assad (Werner Schünemann).

"A vizinha disse que não ia dar bolo coisa nenhuma. Que era uma pouca vergonha, que essa era uma rua de família", reclamará Ernesto (João Vitor Manhães), um dos herdeiros do comerciante.

"Disse que o senhor largou uma mulher para trazer outra amante para casa, e com mais um filho", emendará Rita (Noham Hadam).

Após o incidente, eles serão surpreendidos por um bilhete amarrado a uma pedra atirada contra a vidraça do galã vivido por Ricardo Pereira.

"Fora, mulher desavergonhada", dirá o aviso.

O mercador correrá porta afora, mas não conseguirá pegar o agressor em flagrante. "Parece que foi molecagem, mas orquestrada por adultos. Crianças não são assim, não têm preconceito. Isso é um absurdo sem tamanho, podia ter machucado um dos nossos filhos", se queixará ele.

Com o sangue ainda quente, Almeida estranhará a calma da irmã de Lola (Gloria Pires). Ela levantará o seu queixo e, olho no olho, afirmará que o amor deles é capaz de superar todas as adversidades.

"Me perdoa. Nunca imaginei que pudéssemos ser alvo de tanta intolerância", pedirá ele, envergonhado.

"Vamos enfrentá-los. Estamos juntos, somos mais fortes que isso. E se não entenderem, nos mudamos", incentivará Clotilde, cuja firmeza chamará a atenção do companheiro.

"Fiz minha escolha e não vou voltar atrás nem me arrepender. Eu mesma entendi que nenhum julgamento resiste ao amor, Miro", afirmará a tia de Alfredo (Nicolas Prattes).

Ela também receberá o apoio de padre Venâncio (Othon Bastos) para lutar pela sua felicidade. A pedido de Maria (Denise Weinberg), o pároco aproveitará uma viagem a São Paulo para conversar com a mãe de Francisco.

Ao vê-la realizada ao lado do bonitão, o sacerdote deixará as convenções de lado para abençoar o casal. Em paz com as próprias crenças, a sobrinha de Emília (Susana Vieira) vai descobrir que tem a chance de se tornar mulher de Almeida de papel passado.

Durante uma visita de Isabel (Giullia Buscacio), ela se interessará ao saber que a sobrinha pretende se casar com Felício no Uruguai, tão logo eles consigam arrancar o desquite de Zulmira (Luciana Braga).

A irmã de Julinho (André Luiz Frambach) incentivará o advogado a ajudar a tia com toda a papelada do processo. Como a lei do divórcio só foi promulgada no Brasil na década de 1970, era comum que brasileiros se deslocassem até o país vizinho para obterem uma nova certidão de casamento.

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI