Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Na TV » Éramos Seis

Éramos Seis: Julinho vira o jogo e faz patrão comer em sua mão

O jovem vai provar a Assad que merece namorar sua filha

Máxima Digital Publicado em 20/02/2020, às 12h44

Julinho vira o jogo e fica com o patrão mala na sua mão
Julinho vira o jogo e fica com o patrão mala na sua mão - TV Globo

Em Éramos Seis, Julinho (André Luiz Frambach) conseguirá dobrar Assad (Werner Schünemann).

Segundo o portal Notícias da TV, o patrão descobrirá o caso do empregado com sua filha e vai querer demiti-lo e expulsá-lo de casa. Mas o filho de Lola (Gloria Pires) vai dar um importante voto de confiança ao chefe.

O turco acabará permitindo o namoro de Julinho e Soraia (Rayssa Bratillieri). A primeira a descobrir o romance secreto entre os dois será Lili (Triz Pariz), que até então terá ocupado a posição de noiva de Julinho. Ela chegará na casa de Assad e flagrará o rapaz aos beijos com Soraia. Lili fará um escândalo, terminará o noivado e chamará a atenção do dono da loja de tecidos.

A jovem explicará ao pai que os dois estão apaixonados, e Julinho acrescentará que suas intenções são sérias. Mas Assad ficará furioso. "Onde já se viu? Então se aproveitou da minha confiança, da minha hospitalidade... Você está demitido, seu moleque! Não quero mais você na minha casa, nem perto da minha filha! Amanhã tratamos das formalidades", decretará.

O jovem sairá da casa naquela noite, mas terá um plano. No dia seguinte, ele voltará para falar com o patrão. O irmão de Alfredo (Nicolas Prattes) entregará vários recibos de dívidas de jogo.

"Só quero lembrar que eu cumpri minha palavra. Estão aí os recibos das suas dívidas de jogo que eu paguei. E nunca falei nada com a Karine (Mayana Neiva)", dirá ele.

"E acha que por isso vou deixar que namore a minha filha? Se quiser contar para a Karine, conte. Não vou trocar a minha filha pelo seu silêncio", avisará Assad.

Julinho rebaterá que não pretende fazer chantagem e rasgará os recibos na frente do chefe. "Só gostaria que o senhor refletisse um pouco. Eu só peço uma chance, sei que posso fazer a Soraia feliz", falará o jovem.

O turco sairá, pensativo. Horas depois, ele chamará o funcionário de volta para uma conversa. "Julinho, eu pensei bem. Você pode ter errado comigo, me escondendo o seu romance com Soraia. Mas deu mostra de caráter também, no problema das dívidas de jogo. Pois então também vou confiar em você, nas suas boas intenções com minha filha", dirá o personagem de Werner Schünemann.

"Posso então fazer a corte?", perguntará o jovem.

"Sim. Vou te dar um chance. Pela Soraia. Eu conheço o gênio da minha filha e não quero que a minha casa vire uma guerra pior do que a revolução em São Paulo", falará Assad.

Julinho dará um abraço no sogro e sairá do escritório todo feliz. As cenas estão previstas para irem ao ar no capítulo do dia 26 em Éramos Seis.

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI