Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Saúde e Bem Estar / Treinos em casa

7 principais erros cometidos em treinos em casa

O personal trainer Marcelo Fonseca orientou como se exercitar da maneira mais segura e eficiente sem sair de casa

Máxima Digital Publicado em 25/03/2022, às 16h30

7 principais erros cometidos em treinos em casa - Freepik
7 principais erros cometidos em treinos em casa - Freepik

A prática de exercícios físicos em casa pode ser uma ótima maneira de acabar com o sedentarismo, evitar o sobrepeso e ganhar mais qualidade de vida. Porém, é preciso se exercitar do modo correto para usufruir de todos esses benefícios. Para te ajudar a driblar os principais erros cometidos em treinos caseiros, o personal trainer Marcelo Fonseca trouxe algumas dicas valiosas.

Treinar sem ajuda profissional

Mesmo com treinos caseiros, é superimportante contar com o apoio de um educador físico ou personal trainer para te auxiliar a fazer os movimentos corretos na hora do exercício, mesmo que as instruções sejam online. Mas elas devem acontecer ao vivo:

"Isso porque, acima de tudo, o profissional entende a característica do aluno, seus objetivos, e ainda a biomecânica e a cinesiologia de seus movimentos, ou seja, um olhar aprofundado sobre a ação dos músculos naquele momento", explicou.

Ele ainda completou: "Assim, ele irá te passar um treino ideal para o seu caso.".

Não ter uma estrutura adequada

Outro erro comum é fazer exercícios em um local que não seja adequado ou seguro para o treino.

"É preciso haver um ambiente espaçoso o suficiente para que você se movimente, se alongue. Para isso, dá para afastar alguns móveis, por exemplo. Evite locais com piso escorregadio e sempre faça em ambientes ventilados. Assim, o espaço não te apresentará distrações e, sim, concentração", apontou o personal.

Esquecer os alongamentos

Diferente do que muitos pensam, não dá para pular o alongamento ou aquecimento ao se exercitar.

"Para não causar danos nas articulações, é essencial preparar essas regiões para as atividades de maior impacto que estão por vir nos próximos minutos", reforçou Marcelo.

Falta de regularidade

É um erro muito praticado por quem está começando a rotina de exercícios. Com a correria do dia a dia, torna-se um desafio encaixar um horário diário para dedicar ao treino. Contudo, de acordo com Fonseca, não há outro caminho a não ser se esforçar.

"Reserve pelo menos alguns minutos para focar somente nisso e fazer dessa prática um compromisso consigo mesmo e sua própria saúde, tanto física quanto mental", aconselhou o expert.

Exagerar na dos

Por outro lado, o bom senso sempre deve falar mais alto para que não haja exageros.

"Não adianta tentar imitar o treino do amigo mais experiente, pois cada um tem seu tempo. É importante respeitar seus limites. Fora que passar muitas horas se exercitando não necessariamente irá potencializar o efeito do exercício. É possível que gere na pessoa uma grande frustração", acrescentou Fonseca.

Não respeitar seus limites

Uma das grandes premissas do exercício físico, respeitar seus limites, costuma ser ignorada quando o assunto é treino caseiro.

"Preste sempre atenção nas dores que sentir. Ignorar algum incômodo durante ou depois do exercício pode resultar em um grande problema futuro. Com a ajuda do instrutor, tente reavaliar a forma como está fazendo os movimentos, pois pode ser um alerta para rever sua postura", destacou Marcelo.

Deixar de lado a hidratação

Hidratação é fundamental, ainda mais ao se exercitar. "Beba uma boa quantidade de água, pelo menos, a cada 15 minutos. Também evite treinar de estômago vazio, ingerindo algum carboidrato de fácil digestão no pré-treino", completou o personal.

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI