Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Saúde e Bem Estar / Cuidados com a pele

Cuidados com a pele: entenda como a mudança de hábitos impacta a saúde do corpo

A dermatologista Dra. Sandra Tagliolatto explicou como trabalhar para recuperar o vigor e o bem-estar da derme

Máxima Digital Publicado em 27/12/2021, às 16h00

Entenda como a mudança de hábitos impacta a saúde do corpo - Freepik
Entenda como a mudança de hábitos impacta a saúde do corpo - Freepik

Uma pesquisa realizada pelo Instituto Ipsos em 23 países mostrou que 64% dos 10 mil entrevistados alteraram suas rotinas de limpeza de pele no último ano devido aos impactos da pandemia.

Segundo a dermatologista Dra. Sandra Tagliolatto, o período foi responsável por diversas mudanças de hábito que, consequentemente, causaram problemas de saúde ou variações estéticas na derme.

"Entre os problemas mais recorrentes estiveram a queda de cabelo, com um grande número de pessoas lidando com os desafios dessa condição, seja pelo estresse causado pelas situações da pandemia ou decorrente de sintomas pós-covid", disse.

Outro distúrbio apontado pela especialista foi o melasma, que se caracteriza por manchas escuras na pele e é mais comumente presente na face, embora também possa acometer outros lugares do corpo, como braços, pescoço e colo.

"Um quadro atribuído ao estresse e ao tempo excessivo do home office gasto em frente ao computador, já que a luz artificial das telas pode manchar a pele.", apontou. 

A acne também foi um dos motivos de maior procura por consultas dermatológicas, pois devido ao uso da máscara, uma condição conhecida como 'maskne', se tornou comum.Essas espinhas surgem com o uso contínuo do item de proteção, pois ele aquece e gera umidade, que somado a pressão causada no rosto, leva a produção de sebo, obstrução dos poros e, consequente, a inflamação e proliferação de bactérias.

"Independentemente da causa desencadeadora, todos esses quadros ainda podem ser relacionados ao abandono de parte da população aos cuidados necessários para a boa saúde e aparência da pele. Com a justificativa de não precisar sair de casa, muitos indivíduos não fizeram uma limpeza adequada, nem passaram hidratante e protetor solar durante o período pandêmico", explicou Dra. Sandra.

Com o retorno das atividades presenciais e uma crescente expectativa de melhora na situação do coronavírus, muitas pessoas têm retomado seus cuidados com a pele. Dessa forma, a especialista orientou que essa volta aos antigos hábitos seja feita com consciência, evitando soluções caseiras e sempre optando pela ajuda de um dermatologista para resolver problemas que tenham se instalado na derme durante a pandemia.


Sobre Dra. Sandra Tagliolatto:

Mestre em Dermatologia Clínica e Cirúrgica pelo departamento de dermatologia da Unifesp, a Dra. Sandra Tagliolatto também possui título de especialista em dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI