Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima

Entenda as lesões marrom que podem aparecer na axila, pescoço e virilha

A coloração escura nestas regiões podem ser benignas ou malignas, por isso, merecem atenção

Máxima Digital Publicado em 20/04/2015, às 13h00 - Atualizado em 22/08/2019, às 01h40

axila maxima
axila maxima - Shutterstock
A hiperpigmentação e o espessamento da pele são chamados de Acanthosis nigricans, doença que se manifesta de duas formas. “A mais frequente é a benigna e está relacionada a algumas condições hereditárias e/ ou endocrinológicas, principalmente a obesidade e o diabetes do tipo II. A forma maligna, mais rara, representa um marcador de tumores abdominais”, diz Paulo Russo, chefe do serviço de clínica geral do Hospital Leforte (SP). 

Proteja-se: “Muitos pacientes se incomodam com a estética, por isso recomendamos cremes que ajudam a melhorar a aparência da pele. Mas, para bons resultados, a redução de peso também é essencial”, pontua Juliana. Caso se comprove a presença de diabetes, as fibras alimentares podem ser boas aliadas. “São importantes no controle e na prevenção da enfermidade, já que reduzem a absorção dos carboidratos quando associadas a uma dieta equilibrada. Eventualmente, pode ser necessária a administração de medicamentos hipoglicemiantes e até de insulina”, afirma Paulo. Se existem tumores, a conduta tem que ser definida pelo médico.
ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI