Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima

Falta de luz solar pode causar depressão; Entenda como a mente reage aos estímulos do Sol

A psicóloga Marilene Kehdi explica como a quantidade de raios solares influencia na saúde mental

Gabriele Salyna e Marina Pastorelli Publicado em 13/08/2020, às 11h28

Falta de luz solar pode causar depressão
Falta de luz solar pode causar depressão - Freepik

A depressão é um transtorno mental que pode ser de intensidade leve, moderada ou grave. Suas causas são complexas e multifatoriais, estão relacionadas à carga genética, fatores biológicos que envolvem os neurotransmissores e fatores psicológicos e sociais.

A psicóloga especialista em atendimento clínico Marilene Kehdi explica que algumas condições consideradas de risco podem desencadear uma depressão, sendo elas: doenças e estresse crônicos, luto, experiências de vida impactantes e dores. Contudo, existem vários subtipos de depressão e, entre eles, a depressão sazonal.

Estudos mostram que a luz solar influencia na produção de alguns neurotransmissores, substâncias produzidas no cérebro como a serotonina, que regula o humor, a sensação de bem-estar, apetite e sono.

No outono e inverno, com menos luz solar, ocorre uma diminuição da produção da substância e algumas pessoas vulneráveis tendem a desenvolver esse subtipo de depressão, ficando melancólicas, tristes, irritadas, com falta de ânimo e energia e com muita fome de carboidratos e doces, contribuindo para o ganho de peso.

Ainda durante essa época, pelo fato dos dias serem mais escuros e cinzentos, ocorre um aumento na produção da melatonina, o hormônio do sono. A substância aumenta a sonolência e a dificuldade para acordar pela manhã, além de causar a falta de energia e disposição para realizar atividades.

Ou seja, quanto MENOS luz solar MAIOR a produção da melatonina e MENOR a produção de serotonina.

Pessoas que trabalham em home office e acabam ficando muito tempo dentro de casa ou até mesmo dentro de escritório e demais ambientes fechados, é importante entenderem que faz muito bem para a manutenção da saúde mental acordar cedo e tomar um pouco de sol, mesmo que seja na varanda ou na sacada da casa.

Sempre que possível, faça caminhada e algum exercício ao ar livre. Busque por um estilo de vida e alimentação mais saudáveis e organize a rotina para que ela seja menos estressante e, consequentemente, mais produtiva.

Caso a pessoa já sido diagnosticada com depressão, ela deve fazer o tratamento médico corretamente e também psicoterapia, ambos são fundamentais para a melhora do quadro.

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI