Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima

Quarentena: Rafael Sardão usa método especial para cuidar da mente e sugere pausa nas atividades

O protagonista de 'Amor sem Igual' debateu sobre o período de pandemia

Máxima Digital Publicado em 26/03/2020, às 15h57

Rafael Sardão fala sobre método para cuidar da mente
Rafael Sardão fala sobre método para cuidar da mente - Divulgação

O período de quarentena mexeu com a rotina da população mundial. Como recomendado anteriormente pelas autoridades, foi preciso que as pessoas ficassem reclusas em suas casas para evitar a propagação do coronavírus. 

Em virtude disso, Rafael Sardão foi uma das personalidades conhecidas pelo público a adotar a solicitação. 

O protagonista de Amor sem Igual contou quais são seus métodos para se cuidar, já que as gravações da novela foram suspensas até segunda ordem. 

"Sem dúvida vivemos um dos momentos mais emblemáticos de nossa geração. É vital, é obrigatório, que cada um se recolha em seus lares. Talvez seja o momento de pararmos um pouco, respirarmos um pouco - agradecer por poder respirar- entender realmente o significado de 'amar ao outro como a ti mesmo'", falou o ator, que está na casa dos pais, localizada na reserva natural da Pedra Branca, no Rio de Janeiro.

O intérprete de Miguel na trama da RecordTV contou o que está fazendo nesses dias de reclusão: "Porque agora, dentro dessa pandemia, somos todos uma só humanidade, e, sendo assim, se resguardar, mantendo sua mente em prece, oração, meditação, reza, ou seja lá qual for a sua forma de conexão com Deus; evitar sucumbir a epidemia de medo e apavoramento que tomou conta do Planeta, se tornou nossa missão coletiva de vida ou morte".

Ele sugeriu que seus admiradores seguissem um caminho semelhante ao seu na hora dos cuidados: "Então, minha proposta para essa missão, é meditar, ler bons livros, assistir bons filmes e se reconectar consigo mesmo(a) em sua quarentena.".

"Praticar gratidão, compartilhar informações confiáveis, e não medo, fakenews, ou julgamento de culpados, como já vejo determinado grupo político fazendo. Não é hora de guerra, é hora de união.", continuou. 

Por fim, o ator refletiu que, para esse período de pandemia, é preciso união: "Essa é a maior ajuda que podemos dar ao mundo nesse momento. Então façamos nossa parte, não é tão difícil. A humanidade vencerá se nos unirmos.".

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI