Máxima
Busca
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Famosos / Trissomia do cromossomo 13

Trissomia do cromossomo 13: O que é a condição do filho de Zé Vaqueiro

Especialista explicou, em exclusiva, o que é a trissomia do cromossomo 13, condição que levou o filho de Zé Vaqueiro para a UTI

Máxima Digital Publicado em 26/07/2023, às 14h48

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Trissomia do cromossomo 13: O que é a condição do filho de Zé Vaqueiro - Instagram
Trissomia do cromossomo 13: O que é a condição do filho de Zé Vaqueiro - Instagram

O que é trissomia do cromossomo 13? O termo ganhou voz na internet após Zé Vaqueiro informar que seu filho havia nascido com a condição e que estava na UTI.

Em exclusiva à Máxima, a psicóloga Luana Couto explicou o que significa o termo. "A trissomia do cromossomo 13 pode se apresentar características específicas e em cada caso, uma pode ser mais preponderante que outra. No corpo, os bebês tendem a nascer pequenos, com impacto no desenvolvimento do cérebro, capacidade intelectual comprometida, anomalias faciais - lábio leporino e fenda paladina, olhos pequenos, defeito na íris, alteração no formato das orelhas, pele, mãos e pés.", disse.

"A trissomia do cromossomo 13 não tem cura e todos os cuidados médicos são voltados a trazer o máximo de qualidade possível ao bebê.", disse.

A especialista falou sobre o comportamento familiar: "Falando da família, o apoio de médicos, assistentes sociais e psicológicos é essencial. Mesmo uma família que vive uma gestação tida 'normal' está totalmente preparada para lidar de forma prática e emocional a tudo que envolve a chegada de um bebê. E quando falamos de síndromes, ainda que durante a gestação, seja feito o diagnóstico, para os pais e familiares existe um choque. Surge um luto. Luto porque todo casal deseja e imagina uma gravidez sem riscos e acaba projetando expectativas em torno do bebê. O processo de revelação, chá de bebê, enxoval, bem como os preparativos para o dia do nascimento são exemplos desta elaboração. Mesmo diante da aceitação e amor, existe um paradoxo de emoções. Podem surgir raiva e tristeza concomitantemente, gratidão, culpa e alegria de forma desordenada. Ainda que felizes por ter o filho nos braços, a insegurança e medo de possíveis intercorrências, a jornada na UTI, tudo isso são fatores estressantes para a família.".

"Este é um momento que a atuação especializada de um psicólogo faz toda a diferença no acolhimento, no apoio para reconhecer e processar as emoções.", disse.

A psicóloga também alertou sobre a importância do acompanhamento de outras especialidades: "Além disso, a atuação em conjunto com outras especialidades como as citadas acima, tem grande valor para entendimento dos impactos da trissomia no bebê, construir alternativas para oferecer a melhor qualidade de vida e também para que toda a família e rede de apoio sejam envolvidos na orientação e, assim, manter a estratégia de cuidados sem maiores dificuldades e desgaste aos pais.".

Por fim, a especialista fez algumas recomendações:

  • Se quer visitar os pais, pergunte quando e onde. Não demande receptividade. Acolha, se possível, leve algo para um café ou qualquer alternativa para não gerar trabalho a eles;
  • Busquem formas de capturar como pode ajudar a família. Pergunte por eles, concentre o assunto no que eles quiserem falar;
  • Não faça perguntas. Deixe que eles comentem se assim quiserem;
  • Não comente que leu a respeito, conhece alguém, que estudou e que sabe como fazer algo para ajudar;
  • Não fotografem e nem compartilhem caso receba. Muitas pessoas o faz com a intenção de exposição;
  • Tente apoiar os pais e a família para fazerem atividades que tragam satisfação a eles;
  • Se precisar, ofereça ajuda para alguma atividade prática da casa ou do trabalho deles para gerar “alívio” e sensação de acolhimento;
  • Se tem fé, ore, direcione energias boas para a família;
  • Se tiver alguma dúvida do que fazer, experimente analisar se estivesse na situação deles se receberia bem ou não.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!