Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Famosos » Luto

Inconformada, Isis Valverde lamenta morte cruel: ''Quanta dor''

A atriz comentou o caso do menino Rhuan Maycon

MÁXIMA Digital Publicado em 14/06/2019, às 12h42 - Atualizado em 22/08/2019, às 01h40

Isis Valverde
Isis Valverde - Reprodução/Instagram

Isis Valverde usou o Instagram na manhã desta sexta, 14, para comentar sobre a morte de Rhuan Maycon, um menino que foi assassinado pela própria mãe e pela companheira no final do último mês.

Usando a foto do menino de 9 anos, a atriz lamentou e confessou que até teve pesadelos com o crime: "Demorei dias para deglutir tanta maldade e desumanidade. Passei dias com um aperto no peito sem conseguir falar sobre o assunto. Me feriu a alma ler e escutar aqueles dois monstros falando sobre como massacraram esta criança com a maior frieza do mundo! Eu, sendo mãe, não consigo realizar como alguém conseguiu cometer algo tão obscuro como este assassinato. Tive pesadelos envolvendo a história e hoje decidi escrever aqui uma homenagem a esta criança linda, que não escolheu nascer, não escolheu morrer, que não escolheu nada. Espero que a justiça seja feita nos céus e na terra, afinal, nem um animal irracional mata sua cria. Não consigo imaginar que tipo de seres são estes que fizeram isto com esta indefesa, amedrontada criança. Quanta dor, quanto medo este menino não sentiu! 
Deus receba esta alma com todos os louvores dignos de um ser de luz e que os céus nos ilumine e nos livre de criaturas monstruosas como as que ele conheceu. Amém!"

E ainda finalizou: "Rhuan Maycon, um anjo que passou pela terra!"

Vários seguidores apoiaram a atriz: "O que aconteceu com essa criança linda foi uma das coisas mais triste que vi em toda a minha vida, mas será feita justiça e que Deus cuide desse menino com todo amor que só ele tem."

Outro comentou: "Essa foi a maior das crueldades feita com apenas uma criança indefesa, inocente, muito triste que elas paguem pelo que fizeram e que Rhuan já esteja brilhando e descansando no céu pois ainda era um anjo."

O CASO

O menino foi assassinado na noite do dia 31 de maio. Ele levou facadas, foi degolado e esquartejado. Há dois anos, teve o pênis e os testículos cortados.

As criminosas estão presas.

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI