Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima

Cuide dos olhos no verão

O sol prejudica (e muito) a visão. Como se não bastasse, o uso de alguns medicamentos pode danificá-la ainda mais. Veja como se proteger

Máxima Digital Publicado em 06/01/2016, às 10h30 - Atualizado em 22/08/2019, às 01h40

Cuide dos olhos no verão
Cuide dos olhos no verão - Shutterstock

Com a radiação ultravioleta nas alturas, é preciso cuidar bem dos olhos na estação mais quente do ano. Segundo o oftalmologista Leôncio Queiroz Neto, do Instituto Penido Burnier, em Campinas (SP), a única forma de proteger a visão dos efeitos do sol é lançar mão de óculos escuros com lentes que apresentem 100% de proteção UV. Trata-se de um hábito importante, ainda mais porque o uso contínuo de remédios pode aumentar os estragos do UV nos olhos. “Cerca de 300 medicamentos contêm sais que, quando entram na circulação, aumentam a absorção dessa radiação”, diz o médico. O resultado é a formação de radicais livres, um dos maiores inimigos da boa visão, o que favorece o desenvolvimento da catarata, maior causa de cegueira tratável no mundo. O primeiro sinal de que algum medicamento está causando alteração celular no cristalino é a fotofobia (aversão à luz). O médico diz que os principais medicamentos fotossensibilizantes que podem desencadear a catarata quando usados continuamente são: diuréticos, antipsicóticos, antidepressivos, analgésicos, alguns antibióticos e os corticoides, que também provocam glaucoma. Veja outros problemas que o verão traz:

Síndrome do olho seco O efeito fotossensibilizante dos anti-histamínicos usados no tratamento de alergia explica por que desencadeiam a síndrome do olho seco. A dica do médico para amenizar o problema é beber muita água, já que no sol a maior evaporação da lágrima faz com que o ressecamento seja maior.Outros medicamentos que aumentam a sensibilidade à luz são a pílula anticoncepcional, os indicados para arritmia cardíaca e para diabetes.  Por isso, podem causar inflamação na córnea (ceratite), na conjuntiva (conjuntivite) e opacificação do cristalino. Os sinais são vermelhidão, fotofobia, sensação de areia nos olhos e visão embaçada.

Conjuntivite tóxica Até o uso de filtro solar e de bronzeador exigem cuidado. Isso porque contêm substâncias tóxicas para os olhos. Os sintomas são ardência e visão embaçada. Para eliminar o desconforto, lave bem os olhos com água filtrada. Para minimizar o efeito fotossensibilizante dos medicamentos, o ideal é tomar sempre à noite, quando a prescrição é de uma vez a cada 24 horas, como é o caso de pílula anticoncepcional. 

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI