Máxima
Busca
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima

7 alimentos funcionais para incluir na dieta

Eles oferecem diversos benefícios à saúde e protegem o corpo de doenças

Manoella Bittencourt Publicado em 25/04/2023, às 14h30

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Dieta funcional ajuda a manter a saúde em dia (Imagem: baibaz | Shutterstock)
Dieta funcional ajuda a manter a saúde em dia (Imagem: baibaz | Shutterstock)

Alimentos funcionais têm sido cada vez mais valorizados na dieta, pois, além de fornecerem nutrientes essenciais para o corpo, possuem compostos bioativos que podem trazer benefícios adicionais à saúde. “Eles podem, por exemplo, reduzir o risco de doenças crônicas degenerativas, como câncer e diabetes, entre outras”, explica a nutricionista Nádia Neves. 

Além disso, podem aumentar a imunidade, melhorar a saúde intestinal e estimular a função cognitiva. Porém, para obter o efeito desejado, a profissional ressalta que eles devem fazer parte de uma dieta equilibrada e ajustada à necessidade de cada indivíduo.

Dieta funcional

De acordo com Rodrigo Polesso, especialista em nutrição otimizada para saúde e bem-estar, é fundamental é criar um estilo de vida alimentar que seja baseado em alimentos reais, ou seja, frutas, carnes, peixes, laticínios, tubérculos, ovos, nozes, castanhas, folhas, legumes e temperos. “Evitando os processados, refinados, açucarados e óleos vegetais e afins. Ao fazermos isso, iremos ingerir uma boa e variada quantidade de alimentos funcionais”.

Para estimular refeições balanceadas, confira 7 alimentos funcionais para incluir na dieta.

1. Aveia

A aveia é uma fonte rica em fibras solúveis, que ajudam a controlar os níveis de açúcar no sangue e a reduzir o colesterol. Também contém antioxidantes e vitaminas do complexo B, que mantêm a saúde do coração e do sistema nervoso.

2. Tomate

O tomate é rico em licopeno, um antioxidante que pode ajudar a proteger o corpo contra doenças cardíacas e crônicas. Ele também contém vitamina C e potássio. O consumo de tomate melhora a saúde do coração e da pele e a função imunológica.

3. Sementes de chia

As sementes de chia são ricas em fibras, proteínas, ácidos graxos, ômega 3 e antioxidantes. Elas ajudam a controlar os níveis de açúcar no sangue, promovem saciedade e digestão saudável, além de reduzirem o risco de doenças cardíacas.

Abacate aberto na mesa de madeira e metades na tigela.
Abacate contribui com a saúde cardiovascular (Imagem: Krasula | ShutterStock)

4. Abacate

O abacate é uma fonte de gorduras saudáveis, incluindo ácido oleico, que pode ajudar a reduzir o colesterol e melhorar a saúde do coração. Também contém fibras solúveis e vitamina E, que ajudam a manter a saúde da pele.

5. Leguminosas

Feijões, lentilhas, grão-de-bico e ervilhas são ricas em fibras, proteínas e ferro. Também contêm compostos bioativos, como lignanas e flavonoides, com propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias.

6. Alho

O alho é rico em compostos sulfurados, que podem reduzir o risco de doenças cardiovasculares, diminuir a pressão arterial e melhorar a função imunológica. Também é um agente antibacteriano e antiviral natural.

7. Nozes

As nozes são uma fonte de gorduras saudáveis, incluindo ácido alfa-linolênico, que pode ajudar a reduzir o colesterol e melhorar a saúde do coração. Também contêm proteínas, fibras e vitaminas do complexo B, que ajudam a manter a saúde do sistema nervoso.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!