Saiba o que pode provocar a queda dos cílios

Especialista alerta para os cuidados necessários dos pelos que protegem os olhos

Gabriella Gouveia

As principais causas desse problema tem a ver com a maquiagem e a má higienização da área | <i>Crédito: Shutterstock
As principais causas desse problema tem a ver com a maquiagem e a má higienização da área | Crédito: Shutterstock

Cinco fios por dia. Essa é a queda diária considerada normal para os cílios. "Uma queda maior ou ainda um aparecimento de falhas são sinais de alerta, em que um dermatologista deve ser consultado", explica Rodrigo Kury, farmacêutico e diretor técnico da Ecenne. "E as principais causas desse problema tem a ver com a maquiagem e a má higienização da área", acrescenta.

As fases do pelo — Os cílios, de acordo com o especialista, assim como todos os folículos do corpo têm três fases de vida: o crescimento, a transição e a queda. "A média da fase do crescimento é de 2 a 3 meses, sendo que os folículos se alternam para que não fiquem áreas sem pelos", explica. "Quanto mais conseguir estender a fase do crescimento, maior o comprimento dos fios, pois é esta fase que define o comprimento dos cílios". Em seguida, afirma Rodrigo, o fio entra numa fase de repouso, em que não há mais crescimento: é a fase da transição, que será seguida pela queda do pelo. Durante este ciclo de crescimento, há folículos em fases diferentes de desenvolvimento.

Cuidados x causas da queda — De acordo com o farmacêutico, o cuidado diário dos cílios compreende a limpeza e a hidratação dos fios. "O acúmulo de sombra ou rímel na base dos cílios pode levar à inflamação, infecção e ainda na obstrução do folículo piloso o que impede o crescimento", explica. "Após a limpeza, a hidratação dos cílios é muito importante, pois eles sofrem com os produtos de maquiagem e acabam ficando fracos, secos e quebradiços", argumenta Rodrigo.

Rodrigo enfatiza que a principal causa é a falta de higienização adequada, após uso de maquiagem. "Os pigmentos podem ficar aderidos à região e os resíduos de maquiagem se acumulam próximo ao folículo piloso enfraquecendo o fio até a sua queda — além de impedir o nascimento de um novo fio. Estes mesmos resíduos são meios de contaminação e propagação de bactérias e fungos", alerta. "Além disso, o uso de rímel a prova d'água todos os dias também predispõe a queda dos fios pois a sua remoção é mais difícil; e a utilização do curvex é outro fator que pode machucar os fios e levá-los à queda."

Hidratação — Mas afinal, por que é necessário ‘hidratar’ os cílios? "É essencial hidratá-los e nutri-los, não permitindo assim que as hastes mais finas e secas sofram fraturas ou fiquem mais finas com tendência à queda e falhas. Produtos específicos para cílios são os mais recomendados, pois possuem em sua formulação os ativos corretos para esta função", conta o farmacêutico. "Procurar sempre por produtos testados dermatologicamente e oftalmologicamente", finaliza.

28/04/2017 - 13:00

Conecte-se

Revista Máxima