10 alimentos emagrecedores

Conheça os itens que aceleram o metabolismo e a queima de gordura

Diane Neubüser

Por melhorar o processo digestivo, o abacaxi acelera o metabolismo e a queima de gordura. | <i>Crédito: Foto Shutterstock
Por melhorar o processo digestivo, o abacaxi acelera o metabolismo e a queima de gordura. | Crédito: Foto Shutterstock

Abacaxi

Fruta antioxidante, anti-inflamatória, rica em fibras e vitamina C. Auxilia em processos digestivos e é muito versátil: pode ser feita em forma de suco, smoothie e sorvete caseiro com raspas de limão como sobremesa ou até assado.

Chá verde

O chá verde possui substâncias antioxidantes, que agem no combate ao envelhecimento das células, colaborando assim para a prevenção de doenças como alguns tipos de câncer. A bebida auxilia na perda de peso devido à cafeína presente em sua composição, que influencia no aumento da velocidade do metabolismo.


Chá de hibisco

Antioxidante, laxante leve, ótimo efeito diurético e digestivo.


Gengibre

Alimento com baixo valor calórico, rico em vitaminas B3, B6 e C. Possui ação antioxidante e é termogênico natural.


Aveia

Alimento rico em fibras solúveis e insolúveis, auxilia no controle da perda de peso, pois a fibra aumenta a sensação de saciedade, auxilia no controle glicêmico e ajuda a regular o intestino.


Semente de linhaça

Contém substâncias bioativas que têm ação na modulação do processo inflamatório devido ao ômega 3, presente no alimento. As sementes de linhaça são antioxidantes e ricas em fibras.


Pepino

Pouco calórico, refrescante, ajuda na hidratação e é diurético. Pode ser consumido em saladas, como lanches intermediários ou como petiscos.


Quinoa

Com altíssimo valor nutricional e proteico, possui fibras, sendo uma ótima alternativa para substituir o arroz com feijão em dias quentes. Tem benefícios nutricionais na prevenção de determinadas patologias, epode ser consumido como salada fria ou quente, acompanhando o prato principal, ou junto com vegetais e/ou proteínas leves.


Ameixa preta seca

Pouco calórica, prática para carregar e consumir em lanches intermediários ou como sobremesa. Substitui o doce. Rica em fibras, ajuda a fazer o intestino funcionar.


Pimenta

As pimentas possuem uma substância chamada capsaicina, que, segundo estudos, traz vários benefícios como o estímulo do sistema nervoso simpático, que libera mais catecolaminas, levando a uma diminuição do apetite e, como consequência, a diminuição da ingestão calórica.


Fonte: Fúlvia Gomes Hazarabeidan, nutricionista da Bio Ritmo

20/03/2017 - 08:00

Conecte-se

Revista Máxima