Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima

Deu branco

Os cremes dentais clareadores têm invadido o mercado como uma opção fácil para branquear o sorriso. Mas você pode usar?

Texto: Andréa Soares Publicado em 13/01/2017, às 13h05 - Atualizado em 22/08/2019, às 01h40

Deu branco
Deu branco - Shutterstock
Primeiro, por que os dentes amarelam ou mancham?
As causas podem ser diversas: hereditariedade, ingestão de alguns tipos de antibióticos, consumo excessivo de itens com pigmentos e corantes (como vinho, café e chocolate), nicotina ou até a própria ação do tempo. 

Como as pastas clareiam?
Existem diferentes fórmulas no mercado. Há produtos que possuem pigmentos brancos e apenas tingem os dentes e os que funcionam de forma abrasiva (tipo um peeling). Mas já foi lançado um creme dental formulado com peróxido de hidrogênio, o mesmo princípio ativo utilizado pelos dentistas, e que promete “sorriso de diamante”. 

Elas funcionam, são seguras?
Os cremes de tingimento apenas maquiam os dentes, deixando-os temporariamente brancos. “Os abrasivos não alteram a cor, somente removem as manchas superficiais, dando a impressão de clareamento”, explica a odontologista Taciana Anfe (SP), especialista em dentística estética e restauradora. “O creme dental à base de peróxido de hidrogênio age em camadas profundas, o que permite remover manchas e clarear até três tons, sem agredir o esmalte dos dentes”, esclarece o dentista Carlos Francci, professor da USP*. 

Todo mundo pode usar?
A princípio, sim, desde que seja um adulto sem problemas bucais. “O alerta vai para as composições abrasivas, pois elas desgastam o esmalte dos dentes, tornando-o mais fino e sem brilho. A longo prazo podem provocar lesões”, diz Taciana. O ideal é aplicar o creme dental sob supervisão de um dentista e também fazer uma pausa no uso. Como a eficácia desse tipo de produto é limitada — tem um limite de branqueamento — não adianta usar a vida inteira, sem descanso. Ao sentir sensibilidade nos dentes, interrompa a utilização imediatamente, ok? 

Há risco de não surtir efeito?
Sim, se você investir no creme clareador e consumir alimentos com excesso de pigmentação, como vinho, molho vermelho, chá-mate e café. O cigarro também deve ser banido, pois a nicotina mancha o sorriso. Não é recomendado escovar os dentes após o consumo de alimentos salgados e de bebidas ácidas, pois provoca o amolecimento do esmalte. O ideal é esperar 40 minutos. 

Verdades sobre os clareadores caseiros 

Por que estas poções são perigosas:

■ BICARBONATO DE SÓDIO E LIMÃO
“Além de a mistura não clarear, se aplicada repetidas vezes e com muita intensidade, danifica o esmalte do dente, favorecendo o surgimento de cáries”, explica Carlos. 

■ CARVÃO
A abrasividade do carvão não embranquece o sorriso e ainda enfraquece os dentes. 

■ ÁGUA OXIGENADA
A fórmula dela é bem diferente do peróxido de hidrogênio utilizado para tratamento profissional. Portanto, não faça bochechos com água oxigenada. O produto não tem poder clareador e provoca efeitos danosos se usado na proporção errada.
ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI