Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Famosos » BAILE FUNK

Polícia pede a prisão de MC Poze, Negão da BL e mais 12 responsáveis por realização de bailes funk na pandemia

14 pessoas foram indiciadas pela Polícia Civil do Rio de Janeiro por terem organizado festas durante o Carnaval deste ano

MÁXIMA DIGITAL Publicado em 02/03/2021, às 14h18

Polícia pede prisão de Mc Poze e Negão da BL no Rio de Janeiro por aglomerações durante o Carnaval
Polícia pede prisão de Mc Poze e Negão da BL no Rio de Janeiro por aglomerações durante o Carnaval - Instagram

MC Poze, DJ Markinho do Jaca, MC Negão da BL e outros 11 artistas estão sendo procurados pela Polícia Civil do Rio de Janeiro por envolvimento e participação de bailes funk durante o carnaval. As informações são do G1

Devido a pandemia, todos os eventos que promoveriam aglomerações foram cancelados e proibidos no Estado do Rio durante esse período de folia. 

De acordo com a publicação, eles estão sendo acusados de crimes de infração de medida sanitária preventiva, epidemia e associação ao tráfico de drogas.

As delegacias de Repressão aos Crimes de Informática e de Combate às Drogas identificaram a realização de festas à céu aberto dentro das comunidades cariocas, organizadas e controladas por grupos criminosos que comandam essas áreas, disse a matéria. 

Investigações confirmaram a realização de bailes funk nas favelas do Jacarezinho, Pedreira e Acari, no Rio, além de outro na favela do Castelar, em Belford Roxo, na Baixada.

Segundo a Polícia Civil, por meio das músicas, as festas fizeram "apologia ao crime ou a criminosos, sendo também o sexo, a violência, o tráfico e o uso de drogas temas recorrentes das letras".

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI