Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Famosos » Maternidade

Ticiane Pinheiro abre o jogo sobre dificuldades na relação com a filha, Rafa Justus

A apresentadora do Troca de Esposas revelou detalhes da relação com Rafa

Máxima Digital Publicado em 04/02/2020, às 11h50

Ticiane Pinheiro abre o coração sobre Rafa Justus
Ticiane Pinheiro abre o coração sobre Rafa Justus - Instagram

Ticiane Pinheiro não vê a hora do Troca de Esposas começar!

O programa da RecordTV estreia nesta quarta-feira, 5, e está cheio de famílias super diferentes entre si e com os hábitos mais peculiares que terão que conviver e respeitar a rotina de cada uma.

A loira é quem comandará o formato e em entrevista ao portal Notícias da TV, ela falou sobre suas expectativas para o início da atração e contou um pouco a respeito de sua experiência como mãe.

Sobre a relação com a filha mais velha, Rafa Justus, fruto do seu relacionamento com o ex-marido, Roberto Justus, Tici revelou: “Antigamente era eu quem fazia tudo, arrumava cama, lavava louça, preparava a comida. Hoje em dia peço ajuda para a Rafa. Ela arruma o quarto dela, seca a louça depois de eu lavar. E vi que eu chamando a Rafa para participar das tarefas da casa, ela começou a se sentir importante e a gostar de ajudar.”

A esposa de César Tralli confessa que não teria coragem de deixar sua família para participar de um reality show como esse que apresenta: “Eu não sei se eu aguentaria ficar longe das minhas filhas, até porque a Manu só tem seis meses de vida, e a Rafa tem dez anos e precisa muito da minha presença. Ficar uma semana sem falar no telefone e sem poder ver meu marido também seria muito difícil. Então prefiro assistir e participar dos debates.”

Mas a filha da eterna garota de Ipanema também aprende com os participantes do quadro televisivo.

“Hoje em dia, no almoço e no jantar, eu tenho uma caixinha que a gente coloca os celulares e ninguém fala aos celulares durante as refeições. Este foi um clique que deu em mim durante o Troca de Esposas. Outra coisa é a alimentação”, observa a mamãe coruja.