Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima

Conheça as novas regras da previdência

A MÁXIMA de agosto explicou de maneira fácil de entender as novas regras da previdência. Saiba mais

Máxima Digital Publicado em 11/08/2015, às 14h49 - Atualizado em 22/08/2019, às 01h40

previdencia
previdencia - shutterstock
A partir de agora os cálculos deverão respeitar a fórmula 85/95. Sendo assim, o trabalhador poderá se aposentar com o valor total do benefício quando a soma da idade e do tempo de contribuição ao INSS resultar em 85 (mulheres) e 95 (homens). "A adequação leva em conta o aumento da expectativa de vida do brasileiro, que tende a receber a aposentadoria por mais tempo, provocando um rombo bis cofres públicos", explica Leonardo Bastos, coordenador do curso de ciências econômicas do Centro Universitário Newton Paiva (MG). Segundo o expert, com a nova medida é possível escapar do efeito do fator previdenciário (veja abaixo). Quem começou a trabalhar cedo ou aqueles cujos pais recolhem INSS em seu nome desde que são jovens, serão beneficiados", diz Leonardo. 

Fator previdenciário
Quem não quiser esperar para se enquadrar na fórmula 85/95 poderá se aposentar pelo fator previdenciário - índice redutor do benefício, que varia de acordo com a idade e o tempo de contribuição. 

Confira mais sobre o assunto na MÁXIMA de agosto. Já nas bancas!
ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI