Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram Máxima
Comportamento » Autoimagem

Após polêmica com Danilo Gentili, Thais Carla posa só de toalha e faz revelação: ''Olhar no espelho não é uma tarefa fácil''

A dançarina contou como faz para melhorar do mal estar com o próprio corpo

MÁXIMA Digital Publicado em 10/04/2019, às 10h00 - Atualizado em 22/08/2019, às 01h40

Thais Carla
Thais Carla - Reprodução/Instagram

Thais Carla postou uma foto ousada na noite da última terça, 9, e revelou alguns pensamentos íntimos.

A dançarina plus size da Anitta divulgou que nem sempre teve uma relação boa com a própria imagem, diferente da mensagem que ela está acostumada a passar.

Na legenda, escreveu: "Se olhar no espelho não é uma tarefa fácil pra muitas mulheres. Dar um sorriso e ficar feliz com o que está refletindo então, é algo impossível de se fazer. Mas você já se perguntou por que isso acontece? Será que você nasceu para ser infeliz? Ou você precisa “tomar vergonha na cara” e ir em busca de melhora... Vou contar o que eu fiz e faço para reverter esse mal-estar comigo mesma: Fechei os olhos, pensei na melhor coisa que Deus poderia me dá e quando abri lá está, eu! Dai eu passei a ter um olhar sobre mim com mais amor e sem comparações, porque só eu posso enxergar o melhor de mim mesma. Eu me amo e isso não é errado, digo mais, isso é saudável para a mente."

Grande parte das seguidoras agradeceram pela motivação: "Estava me olhando no espelho e me sentindo um lixo há uns 5 minutos. Abro o Instagram e tem essa foto dessa pessoa maravilhosa."  Outra comentou que as fotos da dançarina a incentivam a correr atrás de melhorar o corpo e a saúde. -- Incrível o que uma foto ousada pode fazer, né?

Recentemente, Thais Carla rebateu um comentário preconceitusoso de Danilo Gentili. Depois que ela reclamou de ter ficado "enlatada" em um avião, por causa do assento pequeno, o humorista disse no Twitter: "Eu nunca vi essas pessoas reclamarem que a cadeira do McDonald's é pequena."

A dançarina dedicou um post para responder: "O mundo está ficando chato para as pessoas do senso comum, pois não vamos mais nos calar, acessibilidade importa sim e todos nós temos direitos. [...] Como um cara consegue ver graça nisso? Será que o humor é mesmo rir da desgraça do outro?"