Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima

Jardim impecável

Você sabe manter as pragas longe de suas plantas? Se as folhas estiverem deformadas ou meladas, sinal de que a espécie adoeceu ou sofre ataque de insetos. Conheça os mais comuns e salve o canteiro

Máxima Digital Publicado em 14/10/2016, às 08h00 - Atualizado em 22/08/2019, às 01h40

Jardim impecável
Jardim impecável - Shutterstock
Ácaro
vermelho Ataca flores, brotos e a parte de baixo das folhas, deixando marcas parecidas com ferrugem. Também forma uma teia fina. Solução: Corte as folhas comprometidas. Se toda a planta foi atacada, pulverize calda bordalesa ou calda de fumo a cada 15 dias (veja as receitas ao lado). 

Cochonilha
Fica nas fendas e na parte inferior das folhas. Libera substância pegajosa que facilita ataque de fungos. Solução: Duas vezes por semana, passe álcool nas folhas. Se a planta estiver infestada, aplique calda de fumo também duas vezes por semana. 

Percevejo
Conhecido como maria-fedida, provoca queda de flores, folhas e frutos. Solução: Remova-o manualmente, um a um. Ou passe calda de fumo a cada 15 dias. 

Formiga
A cortadeira é a que mais causa estragos. Como o nome sugere, corta as folhas e leva os pedacinhos para o formigueiro. Solução: Espalhe algumas sementes de gergelim em torno do vaso ou do canteiro. Troque as sementes de 15 em 15 dias.

Fungo
Alastra-se na superfície das folhas, alterando a coloração. Costuma surgir quando a planta está recebendo pouca luz. Solução Remova as folhas danifi cadas e coloque o vaso num local mais iluminado. Em casos extremos, aplique calda bordalesa duas vezes por mês. 

Lagarta
Come as folhas pelas beiradas, deixando nítidas marcas de mordida. Solução: Proteja-se com luvas e faça uma catação manual. Outra opção? Borrifar a planta com solução de pimenta (veja a receita ao lado). 

Lesma e caracol
Age durante a noite, furando folhas, caule e botões. Solução: Na lesma, jogue sal — o tempero desidrata o bicho. Depois, é só recolher e colocar no lixo. Já o caracol deve ser retirado com as mãos (utilize luvas). 

Pulgão
Deixa a folha amarelada e enrugada, e também se instala nos brotos e no caule. Precisa ser controlado logo, pois se multiplica com rapidez. Solução: De duas em duas semanas, passe nas folhas um algodão embebido em água e álcool, misturados em partes iguais.

Pesticidas naturais

CALDA BORDALESA

Ingredientes
• 20 g de sulfato de cobre
• 1 pedaço de pano
• 2 litros de água
• 20 g de cal virgem

Preparo
Coloque o sulfato no pano e amarre como sachê. Mergulhe na água por quatro horas. Misture a cal num copo (americano) de água e despeje na solução de sulfato. Mexa bem. Antes de usar a calda, faça o teste de acidez: mergulhe um objeto de ferro na mistura. Se escurecer, acrescente água com cal. Só use o preparado quando o material não escurecer. Em plantas pequenas ou em fase de brotação, a poção deve ser menos concentrada.

CALDA DE FUMO

Ingredientes
• 10 cm de fumo de rolo
• 50 g de sabão de coco ou neutro
• 1 litro de água

Preparo
Pique o fumo e o sabão. Coloque num balde, junte a água e misture. Deixe por 24 horas, coe e use.

SOLUÇÃO DE PIMENTA

Ingredientes
• 1 litro de água
• 50 g de fumo de rolo picado
• 1 punhado de pimenta-malagueta

Preparo
Ponha tudo num balde, tampe e deixe repousar por sete dias. Aí, dilua o preparado em 10 litros de água e borrife o líquido nas plantas.
ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI