Máxima
Facebook MáximaTwitter MáximaInstagram MáximaGoogle News Máxima
Famosos » Polêmica

Solange Gomes é processada após afirmar que teve parto prematuro por conta de atitude de Waguinho; entenda

Waguinho não ficou nada feliz depois de ter seu nome relacionado a Carla Perez na autobiografia de Solange Gomes

Máxima Digital Publicado em 05/11/2019, às 07h45 - Atualizado às 07h46

Solange Gomes e Waguinho
Solange Gomes e Waguinho - Instagram

Solange Gomes terá que desembolsar uma alta quantia após publicar livro polêmico.

Em sua autobiografia, a ex banheira do Gugu citou o pai de sua filha, Waguinho. 

O pastor auxiliar e a morena já travaram disputas na justiça por conta de não pagamento de pensão alimentícia à filha Stephanie, 19. 

Desta vez, o ex-casal teve mais um desentendimento após Solange cita-lo em seu livro. 

O motivo seria um trecho que desagradou Waguinho por relacionar seu nome com a ex-dançarina Carla Perez. 

"Eu já estava com 38 semanas, a minha gravidez estava superbem e a previsão do parto da Stephanie era 20 de fevereiro de 2000, com 40 semanas. Apesar de eu ter passado por muitas coisas na gravidez, a minha saúde estava ótima. Em um domingo à noite, eu recebi uma ligação do David Brazil e ele me disse, ‘olha, quem acabou de chegar aqui foi o Waguinho (pagodeiro e pai da filha de Solange), com a Carla Perez, mas eles estão só jantando, são amigos", diz o livro "Solange Gomes Sem Arrependimentos". 

De acordo com o jornal Extra, os advogados do cantor afirmam que o parágrafo fere a honra do cantor por insinuar uma relação com a ex-loira do É o Tchan! e afirmar que este tenha causado o parto prematuro da fllha do casal. 

Ele ainda tentou recolher a autobiografia das livrarias, no entanto, a justiça decidiu outra resolução para o caso. 

"Está proibido qualquer tipo de menção sobre a vida privada e íntima. No caso do não cumprimento, haverá multa de R$ 5 mil por ato"

ACOMPANHE AS NOVIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO DOS FAMOSOS PELO INSTAGRAM TAMBÉM. CLIQUE AQUI